Piadas

Polícia conversando no rádio:

- Sargento, chegamos no local do crime.

- Passe o relatório...

- Uma mulher matou o marido. Foram 35 facadas, dois tiros, depois de asfixiar e decapitá-lo e, por fim, o queimou corpo...

- Nossa, qual foi o motivo do crime?

- Ele pisou onde ela estava passando o pano...

- E conseguiram capturar a mulher?

- Não, Sargento, estamos esperando o piso secar!

160
120
40

Um gerente de vendas recebeu o seguinte e-mail de um de seus novos vendedores:

"Seo Gomis, o criente de Belzonti pidiu mais cuatrocenta pessa. Faz favô di tomá as providenssa. Abrasso, Nirso"

Aproximadamente uma hora depois, recebeu outro e-mail:

"Seo Gomis, os relatório di venda vai xegâ trazado proque nóis tá fexano umas venda. Temô di mandá mais treis mir pessa. Amanhã tô xegano. Abrasso, Nirso"

No dia seguinte, mais um e-mail:

"Seo Gomis, num xeguei pucauza de que vendi mais deis mir pessa em Beraba. Tô ino pra Brazilha. Abrasso, Nirso"

No outro dia:

"Seo Gomis, Brazilha fexô vinte mir. Vô pra Frolinopis e di lá pra Sum Paulo nu vinhão das cete hora. Abrasso, Nirso"

E assim foi o mês inteiro.

O gerente, muito preocupado coma a imagem da empresa frente aos clientes, levou ao presidente as mensagens que recebeu do vendedor.

O presidente escutou atentamente ao gerente e disse:

- Deixa comigo! Eu tomarei as providências necessárias. E as tomou...

Redigiu de próprio punho o seguinte um aviso e o afixou no mural da empresa, juntamente com os e-mails do vendedor:

"A partí di ogi nóis tudo vamô fazê feito o Nirso, vamô si priocupá menus im iscrevê serto, módi vendê mais. Acinado, O Prezidenti."

122
34
88

Joãozinho foi preso. Na delegacia ele disse:

- Ou vocês me soltam ou vou chamar meu irmão da assembleia de Brasília, minha irmã promotora e meu pai procurador.

Então ele foi solto. Quando já estava no portão, um policial perguntou:

- Joãozinho, me explica essa história dos seus parentes.

- É que meu irmão é da Assembleia de Deus, minha irmã é promotora da Avon e meu pai é procurador de emprego.

254
124
130

Morando em uma cidadezinha do interior, Zé era dono de uma casinha bem cuidada, com um belo jardim na frente e que contava com o destaque de uma árvore muito bonita. Por causa dessa árvore, Zé recebeu um apelido. Era Zé da Árvore pra cá, Zé da Árvore pra lá.

Muito tempo depois, Zé já estava irritado com a forma que lhe chamavam e decidiu cortar a árvore para dar fim ao apelido. Mas após cortar a árvore sobrou um toco, e não deu outra, começaram a chamá-lo de Zé do Toco.

Contrariado com o novo apelido, Zé contratou um tratorista para remover o toco do jardim. Mas não deu outra, o buraco que restou lhe rendeu o apelido Zé do Buraco.

Indignado com o apelido mais recente, Zé decidiu ele mesmo tapar o buraco no mesmo dia. E desse dia em diante ele ficou conhecido pela alcunha de Zé do Buraco Tapado.

84
0
84

O filho já pensando no futuro conta para o pai:

- Pai, quando eu crescer quero ser maquiador.

O pai diz:

- Maquiador você não vai ser, pois isso é profissão de gay.

Durante um mês o filho então pensa muito e então diz para o pai:

- Pai, quero ser cabeleireiro.

- Não, filho, isso é profissão de gay.

Seis meses depois ele novamente conta para o pai:

- Pai, decidi que quero ser bailarino.

- Não, meu filho, isso é profissão de gay.

Moral: Eu agora estou com 30 anos, sou gay e não sei fazer merda nenhuma.

138
48
90

Acontece uma grande festa no fundo do mar, quando de repente surge uma briga entre duas baleias convidadas. Uma pega pega um revólver e dispara três vezes contra a outra. No dia seguinte sai a notícia no jornal:

- Baleia baleia baleia.

253
-109
362

Pesquisadores americanos se surpreenderam com os novos resultados dos testes com inteligência artificial. Eles deixaram presos em uma sala, por três dias, dois robôs com programações de personalidade opostas. Quando um deles estava quase sem bateria, ele simplesmente arrancou a bateria do outro e ligou ao seu sistema. A notícia causou alvoroço no mundo acadêmico, e as principais publicações anunciavam:

- Robô robô robô.

165
-86
251

Marcelo encontra o amigo Paulo que não via há mais de um ano. Paulo acompanhado de uma loira espetacular, ambos em uma lanchonete. Aproveitando que o mulherão foi ao banheiro Marcelo começa o interrogatório.

- Cara! Que mulher é esta? A última vez que nos vimos você era casado com uma mulherzinha muito feia.

- Ah! Não dava mais meu amigo, ela não tinha nenhum estímulo na vida, foi desgastando. Trouxe a mãe dela pra morar com a gente. Quando ela foi trabalhar a noite eu tive que fazer companhia para minha sogra cheia de manias, não dormia sozinha, não ia à padaria de medo de se perder. Praticamente meu fim de semana era fazendo companhia para minha sogra...

- Isso é ultrajante! Ainda bem que você separou dela.

- Separei, mas a minha sogra ainda está morando lá em casa!

- Que coisa bizarra! E esta sua nova namorada maravilhosa sabe disto? - diz Marcelo apontando para a loira que retornara do banheiro.

- Namorada? Ah, esta aqui é a minha sogra!

77
-58
135

O bêbado está de pé diante do defunto, quando um desconhecido se posta ao lado do caixão, olha para todas as pessoas que estão no velório e pergunta:

- Quem é o morto?

O bêbado aponta o dedo e diz:

-É esse aí que tá deitado.

244
-157
401

Numa cidadezinha do interior, um sujeito andava tranquilo pela rua. De repente, ele viu uma galinha e começou desesperadamente a correr, apavorado gritando socorro. Seus familiares estavam sem saber o que fazer, pois era uma coisa muito rara e absurda. Levaram o sujeito para um psiquiatra.

- Me diga, qual é o seu problema?

- Doutor, sou uma ervilha e se não me cuido posso ser devorado por uma galinha.

- Ah, sim, é claro. Mas veja bem, o senhor tem duas mãos, não é verdade?

- Sim, mas e dai?

- O senhor já viu uma ervilha com braços?

- Não...

- Duas pernas, como essa que o senhor usa para fugir das galinhas?

- Não... puxa, nunca pensei nisso...

- Veja outra coisa, uma ervilha nunca estaria aqui falando comigo!

- Puxa, doutor! O senhor mudou minha vida! Eu nunca tinha pensado nisso antes! Agora eu sei que não posso ser uma ervilha, é uma coisa absurda, impossível! E lá se foi nosso amigo, todo feliz com sua identidade re-descoberta.

Tranquilo, andando pela rua, ele olha outra galinha e sai correndo apavorado de novo... dessa vez um carro o atropela. Foi para o hospital todo arrebentado e entre as visitas medicas naturalmente chamaram o psiquiatra:

- Mas o que aconteceu? Você não me disse que agora você sabe de não ser uma ervilha?

- Saber eu sei, mas o senhor acha que a galinha já está sabendo?

177
81
96

Alguns loucos engendraram um plano de fuga do hospício, pulando o muro. Resolveram fazer um treinamento primeiro, antes da fuga, e passaram vários dias pulando para fora, e depois para dentro de novo, para que no dia da fuga pulassem com perfeição e nada falhasse. Marcaram a data da fuga em massa. Os loucos ficaram ansiosos e agitados. Não viam a hora de fugir daquele lugar.

No dia marcado, caiu um temporal que derrubou o muro. Os loucos então, resolveram adiar a fuga, até que construíssem outro muro.

166
61
105

Um casal de professores, sempre desejando um bom futuro para o seu filho, faz aquela pergunta dos sonhos.

- Filho o que você quer ser quando crescer?

O garoto responder:

- Eu quero ser politico, mãe.

A mãe, surpresa com a resposta, pergunta:

- Por que político?

- Ora mãe, porque nunca vi político saindo nas ruas para fazer manifestação por melhores salários.

332
162
170

Estavam três homens em um avião, um francês, um americano e um brasileiro. O francês colocou o braço para fora na janela e disse:

- Estamos na França.

- Como você sabe? - perguntam os outros.

- É que eu toquei na Torre Eiffel.

O americano coloca o braço para fora e diz:

- Estamos nos EUA.

- Como você sabe? - perguntam os outros.

- É que eu toquei na Estátua da Liberdade.

O brasileiro coloca o braço para fora e diz:

- Estamos no Brasil.

- Como você sabe? - perguntam os outros.

- Roubaram meu relógio.

308
194
114

O inglês conta para o alemão:

- Minha mulher é muito burra. Comprou uma bicicleta e nem sabe andar nela.

O alemão respondeu:

- Burra é a minha, que construiu uma piscina e não sabe nadar.

Então, rolando de rir, o português conta:

- A minha ganhou de todas! Vai passar o Carnaval em Salvador, comprou uma caixa de camisinhas e nem pinto tem!

382
251
131

Tomara que eu nunca seja...

Mas se for...

Tomara que eu nunca desconfie de nada...

Mas se eu desconfiar...

Tomara que eu nunca tenha certeza...

Mas se eu tiver certeza...

Tomara que eu não faça nada...

Que é pra não magoar os sentimentos da minha amada!

210
-62
272