Piadas de Advogado

Um médico e um advogado encontram-se em uma festa.

— Freqüentemente eu sinto terríveis dores de cabeça - comenta o advogado, a certa altura da conversa. - O senhor poderia me dizer qual remédio devo tomar?

Meio a contra-gosto, o médico respondeu à pergunta do advogado e em seguida perguntou-lhe:

— Como você lida com as pessoas que lhe pedem conselhos profissionais durante uma festa?

— É fácil — disse o advogado. — Eu lhe mando a conta no dia seguinte.

No outro dia, através de um mensageiro, o médico enviou uma conta de 50 reais ao advogado.

Pouco depois, ao saber que um menino trouxera o dinheiro, ele ficou todo feliz! Mas sua alegria não durou muito, pois junto com o dinheiro, havia um bilhete do advogado que dizia: "O meu conselho ficou em 100 reais!"

94
53
41

Durante um julgamento, o promotor aperta uma das testemunhas:

— Não é verdade que o senhor recebeu cinco mil reais para comprometer esse caso?

A testemunha permanece calada. O promotor repete a pergunta:

— Então, não é verdade que o senhor recebeu cinco mil reais para comprometer esse caso?

O sujeito continuou mudo. O juiz então foi obrigado a intervir:

— Quer fazer o favor de responder a pergunta?

— Ah! Desculpe, senhor juiz. Eu pensei que ele estivesse falando com o senhor!

86
33
53

Aquele advogado recém-formado estava sendo entrevistado para um emprego.

— E quais são suas pretensões salariais? — perguntou o entrevistador, depois de ouvir as longas digressões do candidato sobre a sua própria capacidade de assumir responsabilidades.

— Aproximadamente uns 10.000 reais por mês, mais benefícios — e com ar todo empertigado, perguntou... — Quais os benefícios que a sua empresa oferece?

— Normalmente férias de 6 semanas por ano, fundo de pensão para complementar sua aposentadoria, um Toyota Corolla novo a cada dois anos, cartões de crédito, título de um clube, plano de saúde integral para todos os dependentes e viagem aos Estados Unidos duas vezes por ano.

— O senhor está brincando? — pergunta o advogado.

— É claro! Mas foi você quem começou!

49
40
9

Estavam a conversar, um físico, um matemático e um advogado.

Eis que um sujeito aparece e pergunta:

— Quanto é dois mais dois?

O físico se esforça, calcula e depois de muito tempo responde:

— 3,97.

O matemático, mais que depressa rebate:

— Não senhor! Dois mais dois são 3,99.

E o sujeito sem ter mais a quem recorrer, pergunta ao advogado:

— Afinal, na sua opinião qual é a resposta certa, 3.97 ou 3.99?

O advogado sem titubear responde:

— Quanto você quer que seja?

44
-11
55

Um advogado entra num caixa automático com um sofisticado sistema de segurança. Assim que introduz o cartão, dispara um alarme e uma gravação:

— Ladrão, ladrão, ladrão!

— Porra! — o advogado exclama — Coloquei meu cartão profissional em vez do cartão do banco!

77
31
46

O advogado recebe no escritório um cliente preocupado com seu processo:

— Doutor, se eu perder este caso, estou arruinado.

— Tudo só depende do juiz... -, diz o advogado.

— Se eu der um presentinho ao juiz, isto ajudaria?

— Não! Este juiz é muito ético e consciente. Se você o der um presente, isto irá prejudicá-lo! Nem pense nisto!

Passado algum tempo, sai a sentença: a favor do advogado.

O cliente procura o advogado e diz:

— Obrigado pela dica sobre o presentinho, funcionou!

— Mas como? Se você tivesse enviado o presente, teríamos perdido a causa!

— Mas eu mandei o presente... Foi por isso que ganhamos a causa!

— Você está louco? Como?

— Bem, eu mandei o presente. E dentro da caixa coloquei um cartão de visitas do nosso adversário.

49
32
17

Açougueiro indignado com cachorro de advogado famoso, que todos os dias, pela manhã, vai em seu comércio e rouba 2kg de salsicha, resolve vingar-se, e, num belo dia, quando advogado adentra em seu comércio solicitando diversos cortes de carne, resolve indagá-lo:

— Caro amigo Doutor Alberto, gostaria de saber de sua pessoa, como advogado extremamente influente, quanto conseguiria ganhar de indenização de um dono de cachorro que todos os dias vem em meu estabelecimento comercial e rouba 2 Kg de linguiça, já perfazendo um total de 5 anos?

O advogado, sem saber que o açougueiro está falando de seu cachorro, responde-lhe:

— Conseguiríamos nos tribunais cerca de 5 mil reais!

O açougueiro, completamente contente com a resposta do advogado, e decidido a se vingar, assim rebate:

— Então esse é o valor que o senhor me deve, pois o cachorro em questão é de sua propriedade.

O açougueiro, achando ter se vingado efetivamente do advogado famoso, e esperando ser ressarcido dos danos sofridos, recebe a seguinte resposta do advogado famoso:

— Tendo em vista que o valor da indenização é de 5 mil reais, ressalto ao digno amigo que me é devedor da quantia de 2 mil reais, pois o valor da minha consulta é de 7 mil reais.

27
7
20

O caminhoneiro estava levando uma carga enorme de galinhas do interior para a cidade.

Na cabine, pra lhe fazer companhia, estava o papagaio dele, o Arilson. No meio da estrada apareceu uma gostosona pedindo carona.

Necessitado, como todo caminhoneiro, ele parou na hora e levou o mulherão. Conversa vai, conversa vem e o caminhoneiro avançou o sinal.

— Pare com isso! — gritou a moça, indignada — Seu tarado!

O caminhoneiro não quis nem saber:

— Ou dá ou desce!

E a moça continuou negando.

Nisso ele jogou o papagaio pra carroceria do caminhão pra ele não ficar assistindo a cena de camarote. E continuou tentando. Mas nada da moça liberar.

— Ou dá ou desce! Ou dá ou desce! — repetia ele.

E não é que a moça desceu?

Então ele seguiu viagem. Quando parou e foi conferir a carga, levou o maior susto! Os caixotes estavam todos vazios, não tinha nenhuma galinha na carroceria. Aliás, tinha só uma, no cantinho, encurralada pelo papagaio que repetia:

— Ou dá ou desce! Ou dá ou desce!

50
34
16

Chegaram juntos ao céu um advogado e um papa. São Pedro mandou o advogado se instalar em uma bela mansão de 800 metros quadrados, no alto de uma colina, com pomar, piscina, etc...

O papa, que vinha logo atrás, pensou que seria contemplado com um palacete, mas ficou pasmo quando São Pedro disse que ele deveria morar numa kitinete na periferia. Irritado o santo padre observou:

— Não estou entendendo mais nada! Um sujeitinho medíocre como esse, simples advogado, recebe uma mansão daquela e eu, Pontífice da Igreja do Senhor, vou morar nessa espelunca!

Ao que São Pedro respondeu:

— Espero que Sua Santidade compreenda! De papa o céu esta cheio, mas advogado, esse é o primeiro que recebemos!

59
47
12

Um advogado foi surpreendido por uma blitz em alta velocidade. O guarda chegou para ele e disse:

— Por favor, posso ver sua habilitação.

— Não tenho, ela foi caçada na última blitz por eu ter estourado os pontos permitidos.

— Você não tem habilitação? Então me deixe ver o documento de propriedade do veículo.

— Não o tenho, porque o carro é roubado.

— Como é? O carro é roubado?

— Aliás, pensando melhor, quando foi guardar a arma no porta-luvas, lembro-me de ter visto uma pasta que acredito ser os documentos do carro sim.

— Você tem uma arma em seu porta-luvas?

— Claro meu amigo. Tive que matar a dona do carro e jogar seu corpo no porta-malas, afinal, se não houvesse violência seria um furto e não um roubo.

O guarda desesperado disse ao advogado:

— Aguarde um minuto por favor.

Nisto chamou o Capitão pelo rádio, relatando todos os detalhes. O Capitão enviou vários policiais em reforço ao local, os quais ao chegarem cercaram o carro e com suas armas em punho, exigiram que ele descesse do carro.

Nisto, chega o Capitão ao advogado e diz:

— Posso ver sua habilitação?

— Claro, aqui está, diz o advogado, entregando-a ao Capitão.

— O veículo é seu?

— Sim Senhor. Aqui estão os documentos.

— Por gentileza, abra seu porta-luvas bem lentamente.

O advogado todo solícito, abriu o porta-luvas que estava vazio.

O capitão então pediu que ele abrisse o porta-malas do veículo, no que também foi prontamente atendido, onde se averiguou, também estar vazio.

Então o Capitão indignado disse ao advogado:

— Eu não entendo, o guarda que o abordou chegou para mim e disse que o Senhor não tinha habilitação, que o carro era roubado, que o Senhor estava armado e que havia um corpo no seu porta-malas...

No que diz o advogado com cara de espanto:

— Olha que mentiroso, aposto que disse também que estava trafegando em excesso de velocidade.

77
54
23

Aquele político velho de guerra estava sendo julgado por corrupção.

Enquanto transcorria o julgamento ele aguardava em sua casa nervosamente. De repente, toca o telefone e o advogado encarregado da sua defesa, diz, sem esconder a euforia:

— Doutor, finalmente a justiça foi feita!

— Então, vamos apelar! — emenda o safado.

16
10
6

O dono do bar tinha certeza de que o seu barman era o cara mais forte das redondezas e oferecia mil reais para quem conseguisse extrair um pingo a mais de qualquer limão espremido por ele. Todos os dias apareciam lutadores de boxe, halterofilistas, lutadores de jiu-jitsu, mas ninguém conseguia ganhar a aposta.

Certo dia aparece um sujeito magrinho, vestido de terno, com um óculos de fundo de garrafa e diz, muito tímido:

— Eu gostaria de tentar espremer o limão!

Os freqüentadores do bar caíram na risada mas o sujeito não se intimidou. Então o barman pegou um limão, espremeu com toda força e entregou para ele tentar tirar alguma gota.

O sujeito, desacreditado de todos, pegou o limão, começou a apertar e conseguiu tirar seis gotas! Os freqüentadores do bar ficaram de boca aberta e o dono rapidamente entregou os mil reais para o sujeito.

— Incrível! — disse o dono ao sujeito — O que você faz da vida? É lutador de Kung-fu?

— Não... Eu sou advogado!

23
6
17