Piadas de Árabes

O filho do sheik vai estudar na Alemanha. Depois de um tempo, decide escrever um e-mail para o pai contando suas experiências:

"Querido pai, espero que esteja tudo bem com o senhor. Estou na Alemanha há 3 semanas já e fiz muitos amigos. As pessoas aqui são bastante acolhedoras. A cultura é diferente, mas estou gostando da maior liberdade que existe aqui. Na faculdade estou indo muito bem, já tenho um professor que é meu orientador no meu projeto de iniciação científica. A faculdade é realmente excelente. O único problema é que eu fico meio constrangido de chegar todo dia dirigindo uma Ferrari dourada enquanto todos meus amigos, até mesmo os professores, chegam de metrô. Aguardo sua resposta. Abdu All Sahya."

O pai responde no dia seguinte:

"Querido Abdu, que bom que está se divertindo. Me mantenha informado de tudo. Convide seus amigos e professores para conhecer seu país também, eles podem se hospedar na ala 6 ou 7 aqui em casa.

P.S.: Acabei de transferir 1 bilhão de dólares americanos. Pare de envergonhar sua família e compre um metrô para você também."

45
16
29

Mais ou menos 29 anos, executivo, bem apessoado, senta-se na poltrona do avião com destino a New York e, maravilha, depara-se com uma morena escultural sentada na poltrona junto à janela. Pernas cruzadas, perfeitas, saia curta deixando entrever um belíssimo par de coxas, seios no tamanho exato, empinados, lábios carnudos, mas sem volume demasiado, enfim, uma deusa....

Decola a aeronave, céu de brigadeiro, uma vontade enorme de puxar conversa, mas a morena, impassível, lê um grosso volume com muita atenção. Após 15 minutos de voo e o cavalheiro não se contém:

— É a primeira vez que vai a New York?

Ela, gentil, com uma voz muito sensual, mas de certa forma reservada:

— Não, é uma viagem habitual...

Ele, agora animado:

— Trabalha com moda, por acaso...?

— Não, viajo em função de minhas pesquisas...

— Desculpe-me a curiosidade, é escritora...?

— Não, sou sexóloga.

— Muito interessante e raro. Suas pesquisas dedicam-se, na sexologia, a quê, especificamente?

Ela, tranquila e sempre com a mesma voz de veludo:

— No momento, dedico-me a pesquisar as características do membro masculino, o que julgo ser um trabalho de fôlego e muito difícil.

— Nas suas pesquisas, a que conclusão já chegou?

— Bom, de todos os pesquisados, já concluí que os Índios, sem dúvida, são os portadores de membros com as dimensões mais avantajadas e, em contrapartida, os Árabes são os que permanecem mais tempo no coito, antes de entrarem em gozo. Logo, são os que proporcionam mais prazer às suas parceiras. Além disso... Oh! Desculpe-me senhor., eu estou aqui falando sem parar e nem sei seu nome...

— Mohammed Pataxó!

171
97
74