Piadas de Argentinos

Um brasileiro está calmamente tomando o café da manha quando um argentino típico, mascando chicletes, senta-se ao lado dele.

O brasileiro ignora o argentino que, não conformado, começa a puxar conversa:

— Você come este pão inteirinho?

— Claro.

— Nós não. Nós comemos só o miolo, a casca nós vamos juntando num container, depois processamos, transformamos em croissant e vendemos para o Brasil.

O Brasileiro ouve calado.

O Argentino insiste:

— Você come esta geléia com o pão?

— Claro.

— Nós, não. Nós comemos frutas frescas no café da manhã, jogamos todas as cascas, sementes e bagaços em containers, depois processamos, transformamos em geléia e vendemos para o Brasil.

O brasileiro então pergunta:

— E o que vocês fazem com as camisinhas depois de usadas?

— Jogamos fora, claro!

— Nós não. Vamos guardando tudo em containers, depois processamos, transformamos em chicletes e vendemos para a Argentina.

319
277
42

Um Argentino chegou na Rodoviária em Curitiba e pediu uma informação :

— Oye!. Onde tem um autocarro pra ir asta la a estacion pra apanhar um comboio para Paranaguá?

— Aqui não chamamos autocarro, chamamos onibus.

— OK. Entonces como apanho o onibus pra ir asta la estacion e apanhar o comboio?

— Aqui não chamamos estacion, chamamos ferroviária.

— Muy bien. Entonces, onde tem o onibus pra ir até a ferroviária e apanhar o comboio?

— Aqui não chamamos comboio , chamamos trem.

— Caramba! Entonces, my hermano, como apanho o ônibus pra ir à ferroviária para apanhar o trem?

— Aqui não dizemos apanhar, mas sim pegar.

— Carajo, me dejas de bromas? Muy bien, como pego o onibus pra ir à ferroviária para pegar o trem?

— Não precisa ir, é aqui mesmo...

— Joda! Hay que preguntar: Como é que ustedes chamam "filho da puta" acá em Curitiba?

— Não chamamos. Eles vêm da Argentina sem ninguém chamar.

222
182
40