Os Vigaristas

Aspirina Enquanto Dorme

45
40
5

João saiu para beber com os amigos. Depois de entornar todas achou que estava com tesão, mas marido fiel, voltou para casa. Lá chegando encontra a Margarida mergulhada em sono profundo, dormindo com a boca aberta. Ele pega duas aspirinas, e as coloca gentilmente na boca da mulher, que acorda engasgada, e pergunta:

— O que foi que você colocou na minha boca?

— Duas aspirinas, responde ele.

Ela aos berros:

— Eu não estou com dor de cabeça!

E ele feliz:

— Era isso que eu queria escutar!