Piadas de Bichas

22
-10
32

Mudança de Vida

Depois de vários anos, as duas bichas se encontram numa estação de metrô.

— Clotilde! Quanto tempo! Você sumiu, querida? Onde você esteve este tempo todo?

— Você nem imagina, menina! Mudei de vida completamente, até me casei!

— Não diga!

— Digo sim! Sabe aquela loira magrinha e peituda que morava no apartamento em frente ao nosso?

— A Marcinha?

— Esta mesma! Pois me casei com ela e estou muito feliz! E você? O que tem feito da vida?

— Eu também me casei!

— É mesmo? Com quem?

— Sabe aquela morena que trabalhava na padaria e tinha uma bundona enorme?

— Aquela de olhos verdes?

— Esta mesma! Pois me casei com o irmão dela!

74
50
24

Prisão de Ventre

A bichinha vai até a farmácia e pede:

— Seu Gonçalves, me vê um supositório. Eu tô en-tu-pi-do! Já faz três dias que não faço cocô!

Aí um sujeito que estava no balcão comenta:

— Você sabia que mamão é um excelente remédio para prisão de ventre?

— Mamão? Mas será que cabe?

60
45
15

Desejos em Dobro

A bicha está passeando numa praia deserta e de repente encontra uma lâmpada mágica com um gênio.

— Vou te satisfazer três desejos — diz o gênio. — mas tem uma condição. Tudo o que você me pedir, a sua pior inimiga vai receber em dobro.

A bichinha pensa, pensa, pensa e diz:

— Eu quero uma mansão e-nor-me!

Plim! Três mansões foram construídas! Uma para ela e duas para a sua rival.

— Agora eu quero um milhão de dólares!

Plim! Surgiram três milhões de dólares!

— Agora eu quero que você me bata até eu ficar meio morta!

43
9
34

Dedos Colados

O sujeito estava usando Super Bonder e de repente cola seu dedo indicador com o polegar.

Desesperado, ele corre até a farmácia e, meio sem-graça, mostra os dedos colados para o farmacêutico:

— Dá pra descolar? — pergunta.

E o farmacêutico, com voz afetada:

— Mas agora, lindo? A farmácia está tão cheia...

68
53
15

Magueira de Gasolina

Uma bicha entra em um banheiro público e vai mijar ao lado de um negão. Olha disfarçadamente para a jeba do sujeito e exclama:

— Nossa! Tudo isso é um peru?

— Não! Não tá vendo que é uma mangueira de gasolina?

— Ah! Que maravilha! — responde a bicha, abaixando as calças — Então enche o tanque!

49
31
18

Noite Fracassada

Depois de uma madrugada fracassada, dois travestis conversam:

— É, amiga... Hoje não caçamos nem um bofe... É melhor a gente subir nas tamancas e se mandar. Já deu!

— Tem razão, fofa! Mas antes, vamos dar uma passadinha na farmácia? Eu preciso tomar uma injeção!

— Ih, menina! Tá bichada, é? Não é você que é vitaminada?

— Não é nada disso, criatura! Eu só não quero ir pra casa sem ter mostrado a bunda pra ninguém!

38
2
36

Péssima Motorista

Depois de uma noite inteira bebendo, dançando e se acabando naquela boate gay, as duas bichas resolveram ir embora. A primeira bicha, pediu:

— Amiga, tô bêbada! Você dirige o carro pra mim?

A outra concordou e lá foram as duas pro carro, estacionado em uma vaga apertadíssima. A bicha deu uma ré e acabou batendo no carro de trás. Colocou uma primeira, bateu no da frente. Tentou dar outra ré e bateu com tudo no carro de trás de novo. Foi sair daquela situação e bateu no carro da frente.

A bicha passageira, que já estava se irritando com aquela cena, perdeu a calma:

— Bicha! Você não sabe dirigir, não?

— É claro que eu sei, sua boba! Só estou extravasando meu lado feminino...

38
12
26

Diagnóstico Completo

A bichinha vai ao médico, este encosta o estetoscópio em suas costas e diz:

— Por favor, diga 33!

— Trinta e três! — responde a bichinha, com voz afetada.

— Muito bem, — ele muda a posição do estetoscópio. — Novamente.

— Trinta e três!

O médico coloca o estetoscópio no peito do seu cliente:

— Diga 33!

— Trinta e três!

— Ótimo! Mais uma vez!

— Trinta e três!

— Perfeito, agora vamos examinar a próstata!

A bichinha se põe de quatro, abaixa as calças e o médico mete o dedo no rabo dela.

— Diga 33! — diz ele, descuidado.

— Um... dois... três... quatro...

41
10
31

Frutos do Mar

As três bichas foram a um restaurante especializado em frutos do mar.

— Pois não? — pergunta o garçom.

— Nós queremos ostras!

— E como vocês querem as ostras?

— A minha eu quero com sal! — pede a primeira.

— A minha com limão! — pede a segunda.

E a terceira, a mais bicha entre as bichas, dispara:

— A minha eu quero com pérola!

59
36
23

Mudar de Vida

A bichinha vai ao psicólogo dizendo que quer mudar de vida.

— O que o levou a escolher esse tipo de vida? — pergunta-lhe o psicólogo.

— Não foi eu quem escolheu! Fui forçado a isso! Quando eu tinha uns 12 ou 13 anos, estava brincando no jardim lá de casa, quando o meu primo veio por trás, me agarrou e abusou de mim ali mesmo! Foi um horror!

— Mas você não poderia ter escapado? Não tentou correr?

— Tentar eu tentei, mas de salto alto e saia justa, cadê velocidade?

62
40
22

Peido no Ônibus

No ônibus superlotado, alguém solta um megaton de arrasar quarteirão. Cinco minutos depois a fedentina ainda não tinha se evaporado e um homem comenta com o vizinho:

— Porra, mas que falta de educação! Se eu soubesse quem foi, juro que enfiava meu guarda-chuva no cu dele!

E a bichinha que estava sentada logo atrás:

— Não fui eu! Mas assumo a responsabilidade pelo peido!

70
58
12

Dor no Buraquinho

A bichinha vai ao proctologista.

— Ai Doutor, estou com uma dor no meu buraquinho...

O médico pede para ele tirar a roupa e ficar de quatro para fazer o exame.

— É aqui? — pergunta.

— Não doutor, é mais lá dentro.

— Aqui?

— Não doutor, é mais lá dentro.

O médico examina mais fundo e encontra um objeto estranho. Começa a tirá-lo.

— Ué... uma flor?

— É para o senhor... com muito amor!

65
50
15

Tatuagem das Iniciais

Bruno e Breno eram um casal gay apaixonadíssimos. Eles se adoravam, tinham bons empregos, viviam juntos em um belo apartamento...enfim, eram muito felizes. Certo dia, Breno estava de folga e ficou em casa, enquanto Bruno foi trabalhar.

Breno, então, resolver fazer uma linda surpresa para o seu amado. Enquanto Bruno estava no trabalho, Breno foi a umaclínica de tatuagens e mandou tatuar duas letras bês(B) enormes, uma em cada nádega. No lado esquerdo, a letra inicial de Breno; no lado direito, a letra inicial de Bruno.

Breno achou que isso seria uma prova inequívoca de seu amor por Bruno, pois as iniciais do casal ficariam
para sempre gravadas em sua bunda.

Feliz, com as duas letras B tatuadas na bunda, uma em cada lado, Breno voltou pra casa no final da tarde,
com a intenção de fazer a surpresa para Bruno.

Breno então foi para o quarto tirou a roupa, e, na hora em que ouviu o barulho de Bruno entrando em casa,
ficou de quatro em cima da cama com a bunda tatuada voltada para a porta do quarto, numa posição
quase que ginecológica.

Bruno então entrou no quarto, viu aquela bunda tatuada virada pra ele e parou, estupefato, mal acreditando no que via.

Breno, sorrindo, perguntou?

— E aí, amor, gostou?

E Bruno, sem conseguir conter uma lágrima que descia pelo seu rosto, limitou-se a perguntar:

— Quem é BOB?

30
15
15

Corte Sexual

Uma bicha chega no cabeleireiro e diz:

— Ai seu boff eu quero um corte bem sexual...

E o cabeleireiro retruca:

— Desculpe, mas eu não sei como é isso!

E a bicha explica:

— É simples... corta na frente e pica atrás!

35
27
8

Mudança de Sexo

O sujeito fica incumbido de dizer ao amigo que o filho deste tinha mudado de sexo.

— João, eu tenho duas noticias sobre o seu filho, uma boa e outra má!

— Comece com a má...

— O seu filho é um travesti!

— Meu Deus, que desgraça! E a boa?

— Ontem ele ganhou o concurso da Rainha da Primavera...

26
10
16

Passando Mal

Três da manhã, a bicha liga para o médico:

— Ai, Doutor... Estou passando muuuito mal... Acho que de hoje eu não passo! O senhor pode vir me ver?

O médico vai, faz todos os exames e depois pede pra bicha:

— Chame todos os seus parentes!

— Ai, cruzes, Doutor! Por que chamar todos os meus parentes? Eu vou morrer, Doutor?

— Que morrer que nada! Você só tem uma gripezinha inofensiva...

— Então pra que chamar os meus parentes?

— É que eu não quero ser o único a ficar acordado de madrugada por causa dessa sua viadagem...

130
116
14

Pai Desconfiado

Desconfiado com as constantes desmunhecadas do filho, o pai leva o garoto a um psicólogo para tirar suas dúvidas.

— Qual o vegetal que você mais gosta? — o psicólogo pergunta ao menino.

"Ele vai responder cenoura ou pepino", pensa o pai.

— Chuchu — responde o garoto.

O pai respira aliviado.

— Qual o seu número preferido? — torna o psicólogo.

"24", pensa o pai.

— Onze — responde o garoto.

O pai respira aliviado.

— Qual o animal que você mais gosta? — pergunta o psicólogo.

"Carneirinho", pensa o pai.

— Jacaré — responde o garoto.

— O que você quer ser quando crescer?

"Cabeleireiro", pensa o pai.

— Juiz de Direito — responde o garoto.

Aliviado, o pai se dirige ao psicólogo confiante:

— Então, doutor, me parece que o menino não tem tendências homossexuais!

— Ora, o seu filho é um veado nato! Veja as respostas dele: o chuchu, dá o ano inteiro; o número 11, é um atrás do outro; o jacaré se defende com o rabo e o juiz vive na Vara.

66
52
14

Voz Grossa

Certo dia estavam reunidos o pai, a mãe e o filhinho assistindo TV. O filho olha para mãe e diz todo delicadamente.

— Maãe! Bota meu café.

O pai todo angustiado por ter um filho delicado diz:

— Ô seu porra! Vá para o banheiro e fique de frente para espelho dizendo bem alto até engrossar a voz: "Bota um café"!

O filho foi todo triste para o banheiro e ficou duas horas em frete ao espelho repetindo repetindo a frase, até que conseguiu engrossar a voz.

Chegando na sala de sua casa ele diz em voz grossa:

— Bota um café aí maaaaaaãe!

O pai todo alegre diz:

— Filho vamos no bar provar que você é macho.

E lá se fora os dois. No bar repleto de homens da vizinhança o filho bate no balcão e diz em voz alta:

— Bota um café aí, garçom da porra!

O garçom todo assustado pergunta:

— Com açúcar ou adoçante?

O filhinho responde todo delicado:

— Aí gente, eu não treinei isso!

15
-10
25

Creme de Beleza

A bicha estava toda concentrada passando cremes e mais cremes no rosto, quando a outra bichinha, sua amiga, pergunta:

— Pra que tudo isso?

— Como, "pra quê"? Pra ficar mais bonita!

Pouco depois, começa a limpar todo o creme do rosto. A amiga comenta:

— Ah, eu sabia que você ia desistir...

23
12
11

Bicha e o Corcunda

A bicha que não estava mais aguentando decide entrar no banheiro masculino e não resiste a dar uma olhadinha.

De repente entra um corcunda e a bicha comenta:

— Se eu tivesse um negócio desse tamanho não ia sair da boca.

E o corcunda responde:

— Por que você acha que eu fiquei corcunda assim?

72
61
11

Bicha no Sexshop

Uma bichinha chega num sexshop e fala pro atendente:

— Bofe, tem pênis de borracha?

— Tem sim. — Respondeu o atendente, abrindo uma cortina e mostrando vibradores de todas as cores e tamanhos.

Depois de muita dúvida a bichinha dis:

— Vou levar aquele grandão e vermelho dalí!

O atendente responde:

— Desculpe, mas aquilo é o extintor de incêndio da loja.

81
52
29

Bicha no Elevador

Era o primeiro dia de serviço da bicha no elevador, quando entra um sujeito com um charuto aceso, e a bicha diz toda delicada:

— Escute moço, não é permitido fumar no elevador, eu não posso subir dessa forma!

O sujeito responde:

— Olha aqui! Não é a primeira vez que eu fumo nesse elevador, e não vai uma "bichinha" que vai me proibir! Entendeu?

— Sinto muito, não posso subir dessa forma, com o charuto acesso. — insiste a ascensorista.

— Escute aqui, imbecil, se você não subir agora, sabe onde vou enfiar esse charuto?

E a bicha responde:

— Não adianta me agradar, regulamento é regulamento!

60
37
23

Na Quitanda

Duas bichinhas chegam na quitanda do seu Manoel:

— Seu Manoel, me dá duas bananas, por favor?

— Duas bananas não posso vender, o mínimo são três!

— E agora? O que vamos fazer? — pergunta a outra bicha.

— Não faz mal, boba, a outra a gente come!

83
21
62

Em um Deserto

Dois amigos estavam num deserto sem mulher, então foi que um virou para o outro e disse:

— Vamos fazer troca-troca?

— Vamos então!

Então os dois amigos fizerem o "troca-troca" quando um virou e disse:

— Vamos beijar na boca?

O outro respondeu:

— Se for começar com viadagem nós vai parar!

74
37
37

Segunda Vida

Quatro bichinhas conversando sobre o que queriam ser na segunda vida.

— Euzinha quero ser uma pomba branca, mensageira da paz.

— Eu quero ser uma coelhinha. Pensa... cenoura todo dia.

— Eu queria ser uma cachorrinha Poodle, passar o dia todo no petshop.

A quarta bicha vira e diz:

— Eu gostaria de ser uma Ambulância. Realiza, eu toda de vermelho, com aquele monte de homens másculos dentro de mim, sair pelas ruas piscando e gritando, piru, piru, piru, piru.

97
58
39

Caçadoras

Duas bichas foram caçar na floresta, e uma comenta com a outra:

— Vamos fingir de caçador e animal?

— Vamuuss...

Então foram, uma delas finge em dar um tiro de espingarda. Pouuuu!

A outra cai no chão, preocupada com sua amiga ela diz:

— Ei, acorde!

A outra responde:

— Lei da selva, matou tem que comer!!!

55
-3
58

Dodói

A bicha vai ao médico:

— Tô com dodói! — diz em voz afetada.

— Onde? Na cabeça?

— Não, doutor! É mais para baixo!

— O pescoço?

— Não, doutor! É mais para baixo!

— O estômago?

— Não, doutor! É mais para baixo!

— Já sei! É o passarinho!

— Não, doutor! É a gaiolinha!