Piadas de Bichas

Depois de vários anos, as duas bichas se encontram numa estação de metrô.

— Clotilde! Quanto tempo! Você sumiu, querida? Onde você esteve este tempo todo?

— Você nem imagina, menina! Mudei de vida completamente, até me casei!

— Não diga!

— Digo sim! Sabe aquela loira magrinha e peituda que morava no apartamento em frente ao nosso?

— A Marcinha?

— Esta mesma! Pois me casei com ela e estou muito feliz! E você? O que tem feito da vida?

— Eu também me casei!

— É mesmo? Com quem?

— Sabe aquela morena que trabalhava na padaria e tinha uma bundona enorme?

— Aquela de olhos verdes?

— Esta mesma! Pois me casei com o irmão dela!

20
-9
29

A bichinha vai até a farmácia e pede:

— Seu Gonçalves, me vê um supositório. Eu tô en-tu-pi-do! Já faz três dias que não faço cocô!

Aí um sujeito que estava no balcão comenta:

— Você sabia que mamão é um excelente remédio para prisão de ventre?

— Mamão? Mas será que cabe?

71
48
23

A bicha está passeando numa praia deserta e de repente encontra uma lâmpada mágica com um gênio.

— Vou te satisfazer três desejos — diz o gênio. — mas tem uma condição. Tudo o que você me pedir, a sua pior inimiga vai receber em dobro.

A bichinha pensa, pensa, pensa e diz:

— Eu quero uma mansão e-nor-me!

Plim! Três mansões foram construídas! Uma para ela e duas para a sua rival.

— Agora eu quero um milhão de dólares!

Plim! Surgiram três milhões de dólares!

— Agora eu quero que você me bata até eu ficar meio morta!

59
45
14

O sujeito estava usando Super Bonder e de repente cola seu dedo indicador com o polegar.

Desesperado, ele corre até a farmácia e, meio sem-graça, mostra os dedos colados para o farmacêutico:

— Dá pra descolar? — pergunta.

E o farmacêutico, com voz afetada:

— Mas agora, lindo? A farmácia está tão cheia...

40
6
34

Depois de uma noite inteira bebendo, dançando e se acabando naquela boate gay, as duas bichas resolveram ir embora. A primeira bicha, pediu:

— Amiga, tô bêbada! Você dirige o carro pra mim?

A outra concordou e lá foram as duas pro carro, estacionado em uma vaga apertadíssima. A bicha deu uma ré e acabou batendo no carro de trás. Colocou uma primeira, bateu no da frente. Tentou dar outra ré e bateu com tudo no carro de trás de novo. Foi sair daquela situação e bateu no carro da frente.

A bicha passageira, que já estava se irritando com aquela cena, perdeu a calma:

— Bicha! Você não sabe dirigir, não?

— É claro que eu sei, sua boba! Só estou extravasando meu lado feminino...

36
3
33

Uma bicha entra em um banheiro público e vai mijar ao lado de um negão. Olha disfarçadamente para a jeba do sujeito e exclama:

— Nossa! Tudo isso é um peru?

— Não! Não tá vendo que é uma mangueira de gasolina?

— Ah! Que maravilha! — responde a bicha, abaixando as calças — Então enche o tanque!

65
50
15

Depois de uma madrugada fracassada, dois travestis conversam:

— É, amiga... Hoje não caçamos nem um bofe... É melhor a gente subir nas tamancas e se mandar. Já deu!

— Tem razão, fofa! Mas antes, vamos dar uma passadinha na farmácia? Eu preciso tomar uma injeção!

— Ih, menina! Tá bichada, é? Não é você que é vitaminada?

— Não é nada disso, criatura! Eu só não quero ir pra casa sem ter mostrado a bunda pra ninguém!

47
29
18

A bichinha vai ao médico, este encosta o estetoscópio em suas costas e diz:

— Por favor, diga 33!

— Trinta e três! — responde a bichinha, com voz afetada.

— Muito bem, — ele muda a posição do estetoscópio. — Novamente.

— Trinta e três!

O médico coloca o estetoscópio no peito do seu cliente:

— Diga 33!

— Trinta e três!

— Ótimo! Mais uma vez!

— Trinta e três!

— Perfeito, agora vamos examinar a próstata!

A bichinha se põe de quatro, abaixa as calças e o médico mete o dedo no rabo dela.

— Diga 33! — diz ele, descuidado.

— Um... dois... três... quatro...

36
11
25

As três bichas foram a um restaurante especializado em frutos do mar.

— Pois não? — pergunta o garçom.

— Nós queremos ostras!

— E como vocês querem as ostras?

— A minha eu quero com sal! — pede a primeira.

— A minha com limão! — pede a segunda.

E a terceira, a mais bicha entre as bichas, dispara:

— A minha eu quero com pérola!

38
8
30

A bichinha vai ao psicólogo dizendo que quer mudar de vida.

— O que o levou a escolher esse tipo de vida? — pergunta-lhe o psicólogo.

— Não foi eu quem escolheu! Fui forçado a isso! Quando eu tinha uns 12 ou 13 anos, estava brincando no jardim lá de casa, quando o meu primo veio por trás, me agarrou e abusou de mim ali mesmo! Foi um horror!

— Mas você não poderia ter escapado? Não tentou correr?

— Tentar eu tentei, mas de salto alto e saia justa, cadê velocidade?

57
37
20

No ônibus superlotado, alguém solta um megaton de arrasar quarteirão. Cinco minutos depois a fedentina ainda não tinha se evaporado e um homem comenta com o vizinho:

— Porra, mas que falta de educação! Se eu soubesse quem foi, juro que enfiava meu guarda-chuva no cu dele!

E a bichinha que estava sentada logo atrás:

— Não fui eu! Mas assumo a responsabilidade pelo peido!

61
40
21

A bichinha vai ao proctologista.

— Ai Doutor, estou com uma dor no meu buraquinho...

O médico pede para ele tirar a roupa e ficar de quatro para fazer o exame.

— É aqui? — pergunta.

— Não doutor, é mais lá dentro.

— Aqui?

— Não doutor, é mais lá dentro.

O médico examina mais fundo e encontra um objeto estranho. Começa a tirá-lo.

— Ué... uma flor?

— É para o senhor... com muito amor!

68
56
12