Piadas de Casal

Encerrado o expediente, o sujeito quer relaxar e bater um papo com os colega de trabalho.

— E se a gente fosse à sua casa ver um jogo e tomar umas cervejas? — Sugere um deles ao rapaz.

— Bem...Por mim, pode ser. Mas preciso ver com a patroa...

O homem pega o celular e disca o número da sua casa. Quando atendem, ele pergunta:

— Querida, o que você acha de eu levar uns amigos para jantar em casa hoje à noite?

— Acho ótimo, meu amor. Ficarei felicíssima se os trouxer.

Os dois ficam mudos por alguns segundos. Até que o sujeito conclui:

— Desculpe... Devo ter ligado para o número errado.

37
17
20

Dizem as más línguas que o Bernardo Cabral conseguiu conquistar o coração da Zélia através da seguinte cantada, numa das festas na Casa da Dinda:

— Sabia que você é o melhor investimento dessa festa?

— Se você está procurando aplicações de curto prazo, pode reduzir seus gastos com as palavras. Sou uma mulher de renda fixa!

Bernardo Cabral percebeu então que deveria aumentar seu capital de risco:

— Gosto de mulheres assim. Oferecem mais segurança. Essas palavras só garantiram sua valorização!

Zélia, nervosa, remexeu uns papéis na bolsa e subscreveu um lote de desconfiança.

— Quer dizer que minha cotação não caiu?

Cabral sorriu, um sorriso cheio de superávit.

— Pelo contrário! Eu já não consigo conter a inflação dos meus sentimentos... juro!

— De quanto?

Ele cochichou-lhe qualquer coisa no ouvido e ela arregalou os olhos. Com certeza, há tempos não encontrava um homem oferecendo taxas tão altas. Insegura, oscilando como as variações da TR, ela permaneceu em silêncio e ele foi em frente, decidido a obter seu quinhão.

— Você parece triste, em déficit com a vida. Seu IBV médio está em baixa?

— É claro. Há um grande desequilíbrio entre a oferta e a procura — disse ela — os homens não parecem interessados em aplicações a longo prazo. Além disso, sofri uma queda e tive um corte no orçamento.

— Escuta. Por que não saimos daqui? Vamos lá para o meu apartamento? Acho que poderemos fazer um belo programa... de ajuste fiscal.

— Isso é muito commodities pra você!

— Ora vamos! Prometo não lhe envolver em ações ordinárias.

Enquanto ela fazia a conversão da dívida, ele aumentou os incentivos:

— Percebo, pelas projeções dos meus desejos, que temos um grande mercado futuro pela frente. Podemos até adotar um redutor.

Era o que ela precisava ouvir para que a noite rendesse dividendos e bonificações. Ao chegarem a casa, ele, como bom investidor, não perdeu tempo e remunerou o ouvido dela com um pedido:

— Posso transferir alguns recursos líquidos?

Zélia o empurrou.

— Você está muito ativo. Respeite ao menos minha poupança interna.

Cabral, porém, não estava ali para ficar ouvindo sermões e pregões e, antes que ela resolvesse iniciar uma negociação que sabe-se lá quando terminaria, ele aproximou-se e disse baixinho:

— Sabe do que eu gostaria? De botar no teu fundão!

Ela transferiu suas ações (preferenciais) para o fundo e entregou-se como cheque ao portador:

— Tudo bem, mas desde que o seu PIB pare de crescer!

5
-7
12

O rapaz conhece a garota num barzinho e depois de meia hora de bate-papo ele a arrasta para um canto mais escuro e após o primeiro beijo, declara:

— A sua boca foi feita para mim!

E ela:

— Puxa, você é tão romântico!

— Não, eu sou dentista!

15
10
5

A filha de pais separados faz 18 anos e o pai está todo feliz por emitir o último cheque da pensão que paga à ex-mulher.

Então ele encontra com a filha, faz o cheque e pede que ela lhe conte a cara da mãe, ao dizer-lhe que é o último cheque que ela verá da parte dele.

A filha entrega o cheque a mãe e volta a casa do pai para lhe dar a resposta.

— Diga filha, qual foi a reação dela? — pergunta ele, curioso.

— Ela mandou dizer que você não é o meu pai.

31
25
6

O sujeito sofre um terrível acidente e o seu pênis é tragicamente dilacerado. Seu médico garante que há condições de fazer um implante, mas o plano de saúde não cobriria este tipo de cirurgia.

— Então quanto eu preciso pagar, Doutor?

— Bem, o tamanho pequeno sai por R$ 35.000,00. O médio sai por R$ 65.000,00 e o grande custa R$ 90.000,00...

Ele imediatamente aceita, mas fica apenas em dúvida se implantará um médio ou grande.

— Se eu fosse você ligaria para a sua esposa pedindo a opinião dela!

Ele rapidamente liga para a esposa e explica a situação.

O Doutor logo pergunta:

— E então, o que você e sua esposa resolveram?

— Doutor, o senhor não vai acreditar... Ela prefere reformar a cozinha...

9
0
9

Na Lua de Mel, um tanto quanto decepcionado pela jovem esposa não ser mais virgem, o sujeito pergunta:

— Com quantos homens você já foi para a cama?

Ela fica em silêncio.

— Tudo bem, Aninha! Pode dizer, eu vou tentar entender!

Ela continua calada e ele perde a paciência:

— Pô, Aninha! Quer fazer o favor de me dizer com quantos homens você já transou?

— Calma! Estou contando!

64
42
22

Vítima da rotina proporcionada por vinte anos de vida em comum, aquele casal já estava fazendo aniversário de abstinência sexual.

Todas as noites, o marido sentava-se na cama, com um livro apoiado nos joelhos e ficava horas e horas lendo.

Até que um dia, a esposa não agüentou mais. Comprou uma langerie extremamente sensual, produziu-se toda, perfumou-se, deitou-se ao lado dele e com voz lânguida, sussurrou:

— Meu bem, hoje estou tão molhadinha...

Imediatamente ele esticou o braço em direção ao sexo da mulher e acariciou-a durante alguns segundos para logo em seguida voltar à leitura.

— Ué, por que você parou? — reclamou a mulher, indignada.

— Parou o quê?

— Parou de me acariciar.

— E quem disse que eu estava te acariciando? Eu só queria molhar o dedo para virar a página.

52
39
13

Depois de uma visita ao médico, o sujeito chega em casa cabisbaixo.

— Que cara de enterro é essa, Genésio? — vai logo perguntando a mulher.

— É que o doutor disse que sou vítima de uma doença rara e que eu só tenho duas trepadas em estoque.

— Só duas? Mas não fica triste assim não Genésio, vem cá que nós vamos fazer estas duas bem caprichadas!

— Cê tá maluca, mulher? Eu não vou gastar estas duas contigo não!

32
15
17

Pela manhã, o marido senta-se à mesa para tomar o café:

— Ah! Nada como tomar um banho e fazer a barba! Me sinto dez anos mais jovem!

E a mulher:

— É mesmo, querido? Então por que você não experimenta tomar banho e fazer a barba antes de ir se deitar.

10
3
7

Um sujeito de aproximadamente cinqüenta anos está viajando no ônibus e comenta com a moça sentada ao seu lado:

— Os jovens de hoje estão perdidos! Eles não têm educação! Veja só, ninguém mais cede o assento no ônibus para as damas e idosos! — o sujeito se indigna.

— Mas o senhor não pode reclamar! — a moça comenta — O rapaz que estava sentado aqui se levantou e deixou o lugar para o senhor!

— Sim! Mas minha esposa está grávida e ainda ninguém levantou para ela sentar!

9
-3
12

Certa vez um brasileiro foi para a Suécia e se apaixonou uma loira espetacular. Depois de alguns meses lá eles casaram-se e vieram morar no Brasil. Ela não sabia falar porra nenhuma, desculpe, nenhuma palavra de português. O maior problema era quando ela tinha que fazer compras.

Um dia ela foi à feira para comprar pés de porco. Não sabendo como fazer, ela teve que tirar os sapatos, apontar para os pés e roncar ao mesmo tempo. E assim levou os pés de porco pra casa.

No dia seguinte ela queria comprar peito de galinha. Dessa vez ela teve que desabotoar a blusa e mostrar o peito enquanto cacarejava. O pessoal da feira adorou! E assim ela levou o peito de galinha pra casa.

No terceiro dia ela tinha que comprar lingüiça e aí não teve outro jeito... Teve que levar o marido junto! Aí você já sabe o que ele teve que fazer, né?

Pois é, teve de falar! Que mente poluída! Esqueceu que ele fala português?

22
7
15

Um sujeito não conseguia mais ter ereções. É, o bonequinho não levantava mais nem a base de batida de catuaba com amendoim. Se é que isso ajuda a levantar o boneco de alguém...

Então, ele segue o conselho do Pelé e vai procurar um médico. O doutor avalia o caso e lhe receita vários remédios, mas nenhum deles faz efeito.

Depois de seis meses de tentativas, o médico desiste e o encaminha para um psicólogo.

Mais seis meses de análise e nenhuma melhoria acontece, a não ser na conta do psicólogo. O analista, com dó do rapaz, indica uma bruxa. A última esperança do boneco de gelatina...

A bruxa, depois de entender qual é o problema, diz:

— Tenho o que o senhor precisa! — e, pegando um vidrinho cheio de pó, continua — Tome o conteúdo deste vidro e diga: "Um-dois-três".

O cara olha a velha com dúvida, então ela continua:

— Em questão de segundos, o senhor terá o mais belo e rígido membro. Mas cuidado! Isso só funciona uma vez por ano. Infelizmente, é a única coisa que posso lhe oferecer... Por módicos mil reais...

O sujeito esperava mais, pagando menos, mas... Como fazia mais de um ano que ele não descabelava o palhaço, o acordo foi feito. Antes de sair, o cara pergunta:

— E como é que eu faço para meu boneco ficar mole de novo?

— Fácil! É só repetir novamente: "Um, dois, três".

Quando o sujeito volta para casa, ele toma o pó. E uma vez na cama, ao lado da mulher ele diz "Um, dois, três" e, quase que imediatamente, o membro fica mais duro que nunca.

Ele sorri até as orelhas, vira-se para a mulher... Nessa hora ela pergunta para ele, sorrindo:

— Meu bem, porque você disse "Um, dois, três"?

23
7
16

O cara finalmente conseguiu convencer a garota mais gostosa do bairro a sair com ele. Quando eles entraram no carro, a gata foi colocar o cinto de segurança e deixou escapar um sonoro peido.

— Me desculpe. — disse ela, constrangida — Eu espero que isso fique só entre nós dois...

— Não sei não! — disse o rapaz, abrindo a janela — Se você não se importa, eu prefiro que se espalhe um pouco!

74
61
13

O sujeito chama a filha para uma conversa séria:

— Minha filha, lamento dizer, mas não gostei muito do seu namorado, não. Ele é um rapaz simpático e educado, mas me pareceu que ele não é muito inteligente, não...

— Impressão sua! — responde a menina. — O Carlos é muito mais inteligente do que você pensa: faz apenas nove semanas que estamos saindo e ele já me curou daquele sangramento que eu tinha todo mês...

17
11
6