Piadas de Casal

O sujeito está lendo jornal e uma notícia chama a sua atenção:

— Olha só, mulher! — diz ele para a esposa — Aqui tão dizendo que em Nova Iorque tá a maior onda de prostituição masculina! Os caras chegam a faturar quinhentos dólares por uma trepada com uma ricaça! Já pensou, ganhar 500 dólares cada vez que transar? Pô, até eu entrava nessa!

— Francamente, Robério! — desdenha a mulher — O que você iria fazer em Nova Iorque com quinhentos dólares por mês?

13
-1
14

O cara estava caçando, em companhia da esposa, quando de repente viu um tiro passar de raspão pelo chapéu dela.

— Ei! — gritou ele, para o autor do disparo — Você quase acertou minha mulher!

— Poxa, desculpa, amigo... Faz o seguinte, tá vendo aquela mulher ali, debaixo daquela árvore?

— Tô...

— É a minha mulher! Toma a minha espingarda, tenta acertar nela também!

10
2
8

No ônibus, a namorada diz ao namorado:

— Não estou gostando de ver você paquerando aquela loura que está ali no banco da frente!

— Quem? — pergunta ele. — Aquela gata, de minissaia verde, blusa marrom, meias pretas e casaco de camurça?

— É essa mesma!

— Besteira, amor! Eu nem tinha reparado nela...

16
11
5

O homem estava tendo um caso com a secretária. Após um tempo, ela lhe disse que estava grávida. Não querendo que sua mulher soubesse, deu dinheiro à secretária, mandou que ela fosse para a Itália e tivesse o bebê por lá.

— Mas como vou avisar você quando o bebê nascer? — ela perguntou.

- Apenas mande um postal e escreva "espaguete". Cuidarei de todas as despesas da criança.

Sem alternativa, ela pegou o dinheiro e voou para a Itália. Alguns meses se passaram e uma noite, quando o homem chegou em casa, a esposa disse:

— Querido, você recebeu um cartão-postal da Europa pelo correio hoje, e eu não consigo entender o significado da mensagem.

O homem leu o cartão, caiu no chão com um violento ataque cardíaco, e foi transportado imediatamente à emergência do hospital. O chefe do plantão perguntou à esposa:

— Aconteceu algo que possa ter causado o ataque cardíaco?

— Ele apenas leu este cartão postal onde está escrito: "Espaguete, espaguete, espaguete, espaguete e espaguete. Três com linguiça, e dois sem."

40
35
5

Três sujeitos estavam no andaime lavando os vidros de um grande edifício, quando um deles deu um gemido, virou para os outros dois e disse:

— Ai, preciso cagar e vou cagar aqui mesmo!

— Você é louco? Vai sujar todo mundo lá embaixo! — disse o mais precavido.

— Não tô agüentando mais, não dá tempo de descer!

— Então bate na janela e peça pra alguém deixar você usar o banheiro. — aconselhou novamente o amigo.

Assim ele fez e quando abriram a janela, ele voou pro banheiro!

Quando ele estava tranqüilo batendo aquele barro quando ouviu uma gritaria danada. Ao sair, viu que o andaime tinha quebrado e seus dois colegas se espatifaram.

Dia seguinte, no velório, estavam os amigos, o sobrevivente, sua esposa e as viúvas inconsoladas, quando chega o dono da Empresa e diz às viúvas:

— Sei que foi uma perda irreparável, mas posso pelo menos tentar aliviar o sofrimento das senhoras. Sei que vocês pagam aluguel e por este motivo darei uma casa pra cada uma. Sei também que vocês dependem de ônibus, por isso darei um carro para cada uma. Quanto aos estudos de seus filhos, não se preocupem mais: será por conta da Empresa até a faculdade.

A mulher do felizardo não se contendo mais falou no ouvido do marido:

— E o bonitão cagando, né?

25
19
6

O sujeito, apaixonadíssimo, pediu a garota em casamento.

— Mas... como vamos casar, se não temos nenhum recurso financeiro? — perguntou ela, preocupada.

— Vamos viver de amor, minha querida. O nosso amor é mais forte do que tudo e do que todos!

E assim fizeram.

No primeiro dia que o marido chega em casa do trabalho, depara-se com uma cena inusitada: a mulher estava totalmente nua, subindo as escadas e escorregando pelo corrimão. Ela subia as escadas e escorregava pelo corrimão. Subia e escorregava...

— O que é isso, querida? Você está maluca?

— Não, querido. Estou apenas esquentando a janta!

26
20
6

— Ai, amorzinho... caiu de novo!

— De novo? Ai, meu Deus... O que está acontecendo?

— Você vem perguntar pra mim?

— Não estou gostando nada disso! — Você não quer tentar mais uma vez?

— Já estou tentando... Vamos lá...

— Tudo bem, amor... Deixa pra lá... Você quer uma cervejinha pra relaxar?

— Daqui a pouco, amor... Ah, agora vai, agora vai... Está quase, está quase!

— Ahhhhh... Caiu de novo... Vamos deixar pra amanhã, querido...

— Saco! Deve ser algum problema com o provedor...

15
9
6

Jane andava meio desconfiada do Tarzan. Ele estava saindo muito e chegando cada vez mais tarde em casa...

Um dia ela resolveu conferir. Mal ele chegou, Jane deu uma olhada geral no marido e descobriu um fio de cabelo louro no ombro:

— De quem é esse cabelo louro? — perguntou, louca da vida.

E o Tarzan, dando uma desmunhecada, respondeu:

— Do leão, meu amor!

7
-1
8

O sujeito estava doido para que a nova namorada lhe fizesse sexo oral e resolve ser criativo.

— Meu amor — diz ele, logo que chegaram ao motel. — Hoje eu comprei umas camisinhas com sabor... você gostaria de experimentar?

Ela concorda com a cabeça. Mais que depressa ele tira a roupa e se atira na cama.

— Humm... que delícia — diz a garota. — Essa é de queijo com cebola!

— Calma, amor! Eu ainda nem coloquei!

9
2
7

Dois sujeitos se encontram no bar.

— Por que essa cara de enterro, rapaz? — pergunta o primeiro.

— Ih, rapaz! Briguei com a minha mulher e ela jurou ficar sem conversar comigo durante um mês inteiro.

— Agora eu entendo por que você está tão triste!

— É que o prazo acaba hoje!

12
5
7

O sujeito vai jantar na casa da namorada. Assim que a refeição é terminada e os pratos são retirados da mesa, ele vira-se para o pai da moça e diz:

— Senhor Gustavo, eu gostaria de pedir a boceta da sua filha em casamento?

Pigarros, tosses, risadinhas e o senhor Gustavo, extremamente cavalheiro, tenta consertar:

— O senhor quer dizer a mão da minha filha?

— Não, senhor Gustavo, eu quero dizer a boceta mesmo, porque de punheta eu já estou com o saco cheio!

37
30
7

À noite, enquanto o marido lê o jornal, a esposa comenta:

— Você já percebeu como vive o casal que mora aí em frente? Parecem dois namorados! Todos os dias, quando chega em casa, ele traz flores para ela, abraça-a e os dois ficam se beijando apaixonadamente. Por que você não faz o mesmo?

— Mas querida, eu mal conheço essa mulher!

19
14
5

No jantar, o marido explica à mulher que os negócios vão mal e eles precisam reduzir as despesas da casa.

— Você bem que poderia fazer um curso de culinária e passar a fazer as nossas refeições. Seria muito mais saudável e ainda economizaríamos o salário da empregada.

— Tudo bem — responde a mulher irritada, — você bem que poderia aprender a trepar, assim poderíamos dispensar também o motorista!

21
19
2

O detetive presta contas à cliente:

— Ontem eu segui o seu marido e ele foi primeiro a um restaurante, depois entrou numa loja, passou num salão de beleza, depois foi a um Shopping, em seguida foi numa casa de Chá, depois foi numa Casa de Jogo de Bingo, foi numa boate e depois para um motel.

— Mais que cafajeste! — protesta a mulher. — Eu mato esse desgraçado! Me diga em detalhes o que ele fez em cada um destes lugares...

— Bem... não fez nada! Acho que só estava seguindo a senhora!

17
13
4