Piadas de Casal

Um jovem casal foi acampar.

O homem foi buscar lenha e volta dizendo pra mulher:

— Meu amor, minha mão tá congelando

— Meu gatinho, coloca ela entre as minha pernas que vai esquentar.

E ele colocou na mesma hora.

Mais tarde foi buscar mais lenha e volta dizendo para a mulher:

— Meu amor, minha mão tá congelado.

— Meu gatinho, coloca ela entre as minhas pernas que vai esquentar.

E assim o fez.

Mais tarde ele foi buscar mais uma vez lenha, pois ela estava com muito frio e quando estava chegando já foi reclamando:

— Meu amor, minha mão está congelando.

— Olha aqui... Você toda hora vem dizendo que sua mão tá congelando. Será que seu pênis não vai congelar não?

11
3
8

Duas amigas se reencontram depois de muito tempo.

— Olá, quanto tempo... Como é que vai?

— Vou bem. E você?

— Vou indo. Como vai seu marido?

— Você não soube? Ele morreu faz dois meses.

— Ah, eu não sabia! Que horror!

— É, um horror...

— Mas o que foi que aconteceu?

— Foi de repente. Pedi pra ele ir comprar açúcar no supermercado, aí veio um ônibus e passou por cima dele.

— Mas que coisa triste...

— Nem me fale querida... Café sem açúcar ninguém merece!

16
4
12

Um casal de idade está celebrando as bodas de ouro, e eles decidem voltar à cidadezinha do interior onde eles se conheceram. Sentam-se numa lanchonete para tomar um café, e estão contando à garçonete sobre o amor que os une há tanto tempo e como se conheceram naquela mesma lanchonete.

Perto deles está sentado um guarda que ouve a história e que sorri com o relato. Depois que a garçonete volta para a cozinha o velho diz à mulher:

— Lembra da primeira vez que transamos, lá naquele pasto perto da estrada, encostados na cerca? Vamos fazer isso de novo?

A mulher se excita toda e diz com um sorriso malicioso:

— Claro! Vamos lá!

Eles então pegam o carro e vão até o local. O guarda, curioso, dá um tempinho e vai atrás deles. Ao chegar perto, ele se esconde atrás de um arbusto, interessado na cena que iria ver.

O casal vai até a cerca onde eles transaram 50 anos atrás. Sem ver o guarda, eles pensam que não há ninguém e tiram a roupa. O velho agarra a mulher e a encosta na cerca. Ela subitamente adquire uma vitalidade de 20 anos, se requebra toda, geme e agarra seu marido, que também parece no melhor de sua forma, agarrando sua parceira como um selvagem, também gritando e parecendo levá-la a um orgasmo sem precedentes. Finalmente, após uns poucos minutos, eles caem no chão, exaustos.

Passado um tempo, eles se levantam com dificuldade e se vestem. Quando estão voltando para a estrada, o guarda os intercepta e diz:

— Desculpem-me, mas não pude deixar de ver... Esta foi uma das mais fantásticas cenas de sexo que eu já vi. Vocês deviam ser muito selvagens quando jovens!

— Nem tanto! — responde o velho — Quando éramos jovens a cerca não era eletrificada!

39
30
9

Um jovem casal tinha sido convidado para uma enorme e muito bem freqüentada festa à fantasia. Tudo foi planejado, as fantasias foram compradas e tudo foi preparado para o grande dia.

Algumas horas antes da festa a moça reclama de fortes dores de cabeça e diz ao marido que terá que ficar em casa.

Ele fica sem jeito e ela, não querendo atrapalhar, recomenda ao marido que vá sozinho à festa. Prestativo, ele diz:

— Meu amor, eu fico aqui com você, sem problemas...

— Não, meu bem! Eu não quero estragar a sua noite! Eu vou tomar um comprimido e dormir... Se divirta por mim!

Então ele pega sua fantasia de Batman e vai para a festa.

A esposa, após dormir por uma hora, acorda sem dores e conclui que ainda é tempo de ir à festa. Como o seu marido ainda não sabia qual era a sua fantasia, ela aproveita a oportunidade para assisti-lo em ação quando ela não está por perto. Ansiosa, ela pega a sua fantasia de Mulher-Maravilha se dirige para o local.

Chegando à festa ela logo vê seu marido dançando com uma loira escultural. Prevendo o perigo, ela começa a se esfregar nele e insinua que está disposta a tudo. Sem reconhecê-la, o homem dispensa a loiraça e começa a se esfregar na Mulher-Maravilha. Algumas carícias e apertos e eles vão para o carro, sem parar para conversar. Lá eles dão uma rapidinha e em seguida a Mulher-Maravilha se apressa em ir embora. Desapontada com a atitude do marido e ansiosa para pregar-lhe uma peça, ela vai direto para casa e volta para a cama.

Então, no café da manhã, ela pergunta, insinuante:

— Então meu bem, como foi a festa?

— Ah, a mesma coisa de sempre. Você sabe que eu nunca me divirto quando você não está — diz o marido, com tranqüilidade.

Então ela continua:

— Ah, é? E você dançou muito?

— Se eu contar você não acredita! Eu não dancei nenhuma música! Quando cheguei na festa, encontrei o Zeca e o resto do pessoal, então fomos para a cozinha e jogamos pôquer a noite inteira... Mas eu vou te dizer uma coisa: o cara que pegou a minha fantasia emprestada disse que teve uma noite incrível!

74
60
14

— Querida, o que tem para o jantar? — perguntou o marido

— Língua de boi — respondeu a esposa.

— Credo! Eu não vou querer... Onde se viu eu comer uma coisa que sai da boca de um animal. Vai lá e me traz um ovo!

27
15
12

O casal foi ao médico porque o marido não se sentia bem. Depois de uma rápida avaliação o doutor, com uma cara de preocupado diz para a esposa de seu paciente:

— Minha senhora, eu não estou gostando nem um pouco da aparência do seu marido!

— Eu também não, doutor, mas ele é tão bom para as crianças...

11
1
10

Um casal foi entrevistado num programa de TV porque estava casado há 50 anos e nunca tinham discutido.

O repórter, curioso, pergunta ao homem:

— Mas vocês nunca discutiram mesmo?

— Não!

— Como é possível isso acontecer?

— Bem, quando nos casamos, a minha esposa tinha uma gatinha de estimação que amava muito. Era a criatura que ela mais amava na vida. No dia do nosso casamento, fomos para a lua-de-mel e minha esposa fez questão de levar a gatinha. Andamos, passeamos, nos divertimos e a gatinha sempre conosco, mas certo dia a gatinha mordeu minha esposa. A minha esposa olhou bem para a gatinha e disse:

— Um.

Algum tempo depois a danada da gatinha mordeu minha esposa novamente. A minha esposa olhou para a gatinha e disse:

— Dois.

Na terceira vez que a gatinha mordeu, a minha esposa sacou uma espingarda e deu uns cinco tiros na bichinha.

Eu fiquei apavorado e perguntei:

— Sua ignorante desalmada, porque foi que fizeste uma coisa dessas, mulher?

A minha esposa olhou para mim e disse:

— Um!

Depois disso, nunca mais discutimos.

84
69
15

Entediada, a mulher vira-se para o marido:

— Já que não tem nada que preste da televisão, que tal a gente sair e se divertir um pouco?

— Ótima idéia, querida! O último que voltar tranca o cadeado do portão.

14
-5
19

Uma mulher entrou na igreja para confessar-se com aquele padre muito sacana:

— Padre, o meu marido é um filho da puta!

— Não diga isso, minha filha! Afinal ele é o seu marido!

— Mas ele é um filho da puta mesmo, senhor padre! Veja só o que ele me aprontou. Ontem, eu estava deitada no sofá vendo televisão ele chegou e colocou a mão na minha perna.

— Mas eu também estou colocando a mão na sua perna e não sou filho da puta!

— Depois, seu padre, ele levantou a minha saia.

— Eu também estou levantando a sua saia e não sou filho da puta!

— Mas, depois ele tirou a minha calcinha!

— Eu também estou tirando a sua calcinha e não sou filho da puta!

— Mas depois ele me comeu!

— Eu também estou te comendo e não sou filho da puta!

— Mas padre, depois de me comer ele me disse que estava com AIDS!

— Filho da Puta!

137
120
17

Terminada a festa de casamento, o casal enfrenta uma longa viagem, até que finalmente chegam ao hotel onde iriam passar a lua de mel. O noivo, que tinha feito questão de preservar sua noiva até aquele momento, está excitadíssimo. Mas, assim que ela saiu do chuveiro, ele percebeu que havia alguma coisa errada.

— Que foi, minha querida, aconteceu alguma coisa?

— Sabe amoreco, preciso te confessar uma coisa...

— O que é?

Ela baixou os olhos, constrangida:

— É que antes da gente se conhecer, eu... eu...

— Você o quê? Diga logo! — perguntou ele, impaciente.

— Eu fazia strip-tease em uma boate!

O noivo ficou vermelho de raiva e esbravejou:

— Essa não! Eu jamais seria capaz de imaginar que você pudesse fazer uma coisa

dessas!

Que descaramento, que falta de vergonha! Não posso acreditar! Você, minha

princesinha, dançando pelada diante de uma platéia! Isso não pode ser verdade!

Olha, meu bem, sinceramente, eu preferiria mil vezes que você tivesse sido uma

prostituta!

— É mesmo? Então, tenho uma boa notícia para te dar!

44
33
11

Dois rapazes, estavam no supermercado, de repente batem com seus respectivos carrinhos, um no outro, um deles fala:

— Pô, não olha por onde anda, meu camarada?

— E você, também não enxerga?

— É que eu estou procurando a minha namorada! — Coincidência, eu também estou procurando a minha!

O primeiro:

— Como é a sua namorada?

— Ela é loira, olhos azuis, cabelos compridos, corpo de academia, lábios carnudos e está com um vestido preto transparente com uma micro calcinha! E a sua?

— A minha que se dane, vamos procurar a tua!

74
62
12

Assim que os pais da moça foram dormir, o jovem casal de namorados começa a transar em pleno sofá da sala. Algum tempo depois, o velho, estranhando o silêncio, vai dar uma espiada. Ao ouvir os chinelos do velho se arrastando no corredor eles se recompõe depressa.

— O que está havendo? — pergunta o velho.

— Nada, não, seu João! Só estou mostrando minha afeição para sua filha!

— Tô vendo! Mas você não acha que a sua afeição é grande demais pra querer enfiá-la no rabo da garota?

31
19
12

Duas amigas íntimas, muito bem casadas (com seus respectivos maridos) resolveram quebrar a rotina e sair juntas, em um sábado à noite.

Depois de encher a cara e falar da vida alheia a noite toda elas resolveram voltar pra casa, caindo de bêbadas.

No caminho, uma delas falou:

— Fê, pára o carro! Eu preciso fazer xixi!

— Que coincidência! — disse a amiga Rê, parando o carro, em frente a um cemitério.

Então elas desceram, se abaixaram e começaram a mijar, na frente de um túmulo.

— Caraca! — gritou Rê — Como é que eu vou me secar? Não posso ficar ensopada desse jeito... Enquanto ela falava, Fê tirou a calcinha, se secou e jogou a dita cuja fora.

— O quê? — gritou Rê, indignada — Nunca que eu vou jogar a minha lingerie de grife fora... Eu prefiro me secar com isso aqui! — e se limpou com a fita de uma coroa de flores.

No dia seguinte, os maridos, que também eram muito amigos, comentavam:

— Rapaz, a gente tem que ficar de olho nas nossas mulheres! Você acredita que ontem a Fê chegou em casa sem calcinha?

— Putz, isso não é nada! — falou o amigo — Pior foi a Rê que chegou com uma faixa presa no rabo, escrito: "Jamais te Esqueceremos".

55
52
3

Um homem e uma mulher, começaram a brigar num meio de viagem que eles estavam fazendo. Numa hora, eles passaram perto de uma fazenda, perto dos porcos. O marido, querendo dar uma de engraçadinho, falou pra mulher:

— Eles são os seus parentes?

E a mulher respondeu:

— Sim. São os meus cunhados!

34
26
8

Sabendo que a filha de 18 anos está em casa com o novo namorado, o pai ciumento chega mais cedo e corre pro quarto dela. Quando ele vai abrir a porta, escuta a garota dizer:

— Só casando, só casando, só casando...

Orgulhoso dos princípios da filha, ele fica mais tranqüilo e escuta a mesma frase, agora em tom mais dominador:

— Só casando. Só casando! Só casando!

— Essa é a minha garota! — sussurra ele — Eu sou um homem de sorte de ter uma filha tão disciplinada e...

— Só casandooooooo! — interrompe ela, aos berros, do outro lado da porta.

Convicto de que a filha sabe se defender sozinha, o pai vai pra sala assistir TV. Meia hora depois, a menina aparece toda descabelada, ajeitando o vestido e diz, assustada:

— Papai? Eu nem sabia que o senhor estava em casa! A propósito, este é o meu novo namorado. O nome dele é Zando!

62
49
13