Os Vigaristas

Confissões do Marido

80
26
54

O rapaz viril, másculo, na casa dos trinta, acaba de fazer amor loucamente com sua esposa, com quem vive há cinco anos. Ele se vira pro canto com uma expressão preocupada e ela pergunta:

— O que foi, amor?

— Minha querida — diz ele, vacilante — Tenho sufocado um segredo dentro de mim durante todos estes anos que passamos juntos, mas sinto que não dá mais pra viver uma farsa...

— Pode se abrir, querido!

— Não sou o que aparento ser. Por dentro, na minha alma e na minha mente, sou uma mulher...

— Mulher? — espanta-se ela — Mas acabamos de fazer amor loucamente e você sempre demonstrou que me deseja

— Sabe, é difícil confessar...

— Que você fingia?

— Não, amor! Eu sou lésbica!