De Joelhos

35
5
30

No último quebra-pau que eu tive com minha sogra, ela se ajoelhou no assoalho e me olhou fixamente.

— Fez isso pra te pedir perdão?

— Não, pra gritar: "Saia já debaixo dessa cama, seu palerma!"