Piadas de Empregados

O cara ligou para o escritório de seu amigo de infância e a secretária atendeu:

— Escritório do Dr. Marcelo, bom dia...

— Bom dia, poderia falar com o Dr. Marcelo?

A secretária responde:

— Olha senhor, no momento o Dr. Marcelo está cagando!

O cara fica horrorizado, desliga o telefone e decide avisar ao Marcelo como foi tratado pela secretária:

— Marcelo, hoje de manhã, liguei para o seu escritório e sua secretária me disse que você estava cagando!

— Isso é um absurdo!

— Você é presidente de uma multinacional, trata com pessoas importantíssimas. Sua secretária deveria ter mais educação!

— Ô Flávio, muito obrigado pelo toque, vou falar com ela. Ela é novata, muito esforçada, com o tempo aprende...

Passado algum tempo, o cara liga novamente para o escritório, e novamente a secretária atende:

— Escritório do Dr. Marcelo, bom dia...

— Bom dia, poderia falar com o Dr. Marcelo?

A secretária responde:

— No momento, o Dr. Marcelo está ocupado...

Flávio gostou da resposta, viu que a secretária havia aprendido. Então ele perguntou:

— E ele vai demorar muito?

A secretária respondeu:

— Ah... do jeito que ele passou peidando por aqui, vai levar uns 40 minutos!

31
21
10

Uma vez um homem viajava em um balão de ar quente quando descobriu que estava totalmente perdido. Visto que sua situação era desesperadora, resolveu diminuir velocidade, e a sua altitude para ver se conseguia se localizar quando avistou um homem andando tranqüilamente pelo campo. Então gritou para o homem:

— Olá, você pode me dizer onde estou?

E o homem respondeu:

— Mas e claro. Você esta num balão a uns dez metros de altura do solo.

Constrangido com a resposta, o homem retrucou de cima do balão:

— Você com certeza é estagiário, não é?

— Sou sim, como o senhor sabe?

— É que a informação que você me deu é tecnicamente perfeita, só que não serve para absolutamente nada.

— Bom logo vi... O senhor é gerente, não?

— Sou mesmo, como você adivinhou?

— Fácil! Fácil! É o seguinte: O senhor não sabe onde esta, nem muito menos para onde vai. Está perdido, ferrado e a primeira coisa que faz é botar a culpa num estagiário!

42
21
21

Um novo balconista, inexperiente, na farmácia, em seu primeiro emprego:

— Você tem aquele novo comprimido para impotência? — pergunta o cliente.

— Sim , temos, chegou ontem. É o viagra. Custa R$ 58,00 quatro comprimidos — colocando a caixa sob o balcão.

— Será que não dava para conseguir um descontinho com o patrão?

— O Senhor aguarda um minutinho que eu vou falar com o chefe?

Enquanto o balconista ingênuo vai ate o escritório nos fundos da farmácia, pedir o desconto, o cliente esperto se manda com o remédio.

O balconista ao voltar se depara com a situação e retorna para o escritório para relatar o acontecido ao chefe. Este, muito irritado, falou que iria descontar o valor do salário do funcionário. O mesmo, aflito, disse que tinha mulher e filhos pra criar e conseguiu dividir o prejuízo com o patrão.

Alguns dias após, apareceu outro cliente solicitando o mesmo medicamento.

— O senhor quer este tal de viagra? Nós temos sim mas é muito caro, e eu não vou pedir para o patrão dar desconto. Se quiser levar, o preço é este. — falando isso agarrou a caixa do remédio.

— Tudo bem eu levo, mas o senhor tem certeza que funciona?

— Bah se funciona, o último cliente que levou, nem tomou e fudeu dois!

35
30
5

O rapaz, excelente funcionário numa lojinha pequena, vai reclamar com o patrão:

— Seu Osvaldo, o senhor me desculpe, mas assim não dá! Somos eu e o Jonas para cuidar da loja, só que eu trabalho que nem um louco e ele fica lendo jornal o dia inteiro e além do mais, ele ganha o dobro do que eu!

— Mas, o Jonas é o meu filho! — protesta o dono da loja.

— Sim... e qual a diferença?

— A diferença é que eu não posso fazer com a sua mãe o que eu faço com a mãe dele!

12
-5
17

Um velho que a muitos anos cuidada do zoológico recebe a visita de um fiscal.

— Olá! meu nome é Gil, sou fiscal do Ibama, quero falar com o Senhor João.

— Sim meu filho, sou eu mesmo.

— João, me disseram que aqui tinha muitos macacos. Ondes eles estão?

— Tinha sim, lindos pulando pra la e pra cá...

— E cadê eles João?

— Ah, matei!

— Me disseram que aqui tinha muitos leões. Onde eles estão?

— Tinha sim, todos muito corajosos...

— E cadê eles João?

— Ah, matei!

— Me disseram que também tinha muitos elefantes. Onde eles estão?

— Tinha sim, enormes e gordos...

— E cadê eles João?

— Ah, matei!

— Ué, como assim você matou todos os animais? E não veio nenhum fiscal ver isso João?

— Veio sim. Muitos!

— E cadê eles porque não fizeram nada?

— Ah, MATEI!

26
7
19

Aquele advogado recém-formado estava sendo entrevistado para um emprego.

— E quais são suas pretensões salariais? — perguntou o entrevistador, depois de ouvir as longas digressões do candidato sobre a sua própria capacidade de assumir responsabilidades.

— Aproximadamente uns 10.000 reais por mês, mais benefícios — e com ar todo empertigado, perguntou... — Quais os benefícios que a sua empresa oferece?

— Normalmente férias de 6 semanas por ano, fundo de pensão para complementar sua aposentadoria, um Toyota Corolla novo a cada dois anos, cartões de crédito, título de um clube, plano de saúde integral para todos os dependentes e viagem aos Estados Unidos duas vezes por ano.

— O senhor está brincando? — pergunta o advogado.

— É claro! Mas foi você quem começou!

50
41
9

Um indivíduo saiu para jogar bingo com 100 reais. Ao longo da noite, ele perdeu quase tudo: sobraram só 10 reais. Já eram 5 horas da manhã e ele tinha que voltar para casa de táxi.

Ele saiu do bingo e foi até um ponto de táxi, e perguntou pro motorista:

— Oh, mano, eu tenho só 10 paus e tenho que ir até Sapopemba. São 5 da manhã e tá um frio danado... Quebra o meu galho, vai!

O motorista não deu a mínima e falou:

— Eu não trabalho pra sustentar vagabundo que joga dinheiro fora.

O cara ficou pê da vida e, já que estava tudo perdido mesmo, resolveu gastar o restinho no Bingo.

Teve uma sorte dos diabos e ganhou 1000 reais. Pensou consigo mesmo e resolveu voltar para o ponto de táxi. Quando chegou lá, viu que o taxista mal educado estava agora na última posição da fila do ponto.

Chegou para o primeiro taxista da fila e falou:

— Oh, chefe, eu te dou 200 pilas se você me levar pra casa e, no caminho, fazer sexo oral em mim...

O taxista ficou nervosíssimo e quase bateu no cara.

Ele vai no segundo taxista e faz a mesma oferta. Esse também fica bravíssimo e diz que não levava nem a pau.

O sujeito sai fazendo essa proposta táxi por táxi e sempre recebendo a mesma resposta. Finalmente, chega até aquele taxista mal educado, abre a porta, entra no carro e fala:

— Oh, mano, agora eu arranjei grana, pode manobrar o carro e ir pra Sapopemba.

O taxista sai com o carro, passando na frente de todos os outros taxistas. O passageiro cutuca o ombro dele e pede:

— Agora, dá tchauzinho para os seus colegas, dá!

65
60
5

Um cara parou para abastecer à beira da estrada e ouviu do frentista:

— O senhor é a última pessoa que vai pagar o preço antigo. De agora em diante, aqueles que chegarem vão pagar o preço novo.

— Que legal! Então encha o tanque, por favor.

— Tá bom.

— Me diga uma coisa, rapaz. Para quanto subiu o combustível?

— Não subiu, não senhor... Abaixou 20%!

13
8
5

O sujeito, riquíssimo, sofria de uma terrível dor de cabeça até que um dia foi procurar um médico:

— O senhor vai ter de arrancar os testículos — sentenciou o médico.

— Você está maluco! — protestou ele.

Dias depois foi procurar outro médico e ouviu o mesmo conselho.

— O senhor vai ter de arrancar os testículos.

Então, resolveu procurar o melhor especialista que havia nos Estados Unidos.

— Sinto muito — fez o doutor, após um rápido exame. — Mas a dor só vai desaparecer se o senhor arrancar os dois testículos.

Desesperado com a dor que se tornava cada dia mais insuportável, ele resolveu se submeter à cirurgia recomendada pelo médico.

Assim que terminou a convalescença, para vencer a frustração, decidiu reformar todo o seu guarda-roupas e procurou o mais famoso costureiro em Paris.

— Pode ficar tranqüilo — disse o costureiro, em tom afetado. — Eu vou lhe fazer algumas roupas chiquérrimas. Você vai ficar lindo de morrer! Pode passar daqui a 15 dias que vai estar tudo prontinho!

— Você não vai tirar minhas medidas? — espantou-se o sujeito.

— Não é necessário! Só de olhar para esse seu corpo deslumbrante eu já sei o tamanho que você vai precisar.

— Duvido!

— Quer ver? Calça, 42, Paletó, 46, Camisa, número 3...

— Incrível... está certíssimo!

— Cuecas número 4!

— Epa! Aí você se equivocou, eu uso cuecas número 3.

— Tá querendo me enganar, é? Tem que ser número 4!

— Sempre usei número 3!

— Você pode até usar cuecas número 3, mas vai te apertar as bolas e te dar uma dor de cabeça terrível!

46
42
4

Durante o teste de conhecimentos gerais para admissão ao serviço militar, o sargento pergunta aos candidatos:

— O que é que ferve a 90 graus?

Silêncio geral. Ninguém responde.

— Vocês são umas bestas. Não sabem de nada. É a água que ferve a 90 graus, seus ignorantes.

Já ia passando para a questão seguinte, quando um candidato falou timidamente:

— Seu sargento, eu acho que o senhor se enganou. A água é que ferve a 100 graus.

Sem graça, o sargento comenta:

— Tem razão. O que ferve a 90 graus é o ângulo reto.

10
-2
12

O general dirige-se a um soldado e pergunta:

— Você tem troco para 100?

— Claro, meu chapa! — responde prontamente o soldado.

— Isso não são modos de dirigir-se a um oficial! — revolta-se o General — Vamos tentar novamente: Recruta, tem troco para 100?

E o soldado, com voz firme:

— Não, senhor!

17
5
12

O sujeito cinqüentão faz uma entrevista para emprego.

— Desculpe — diz o entrevistador. — Mas o senhor chegou a essa idade e nunca pensou em se casar?

— Claro! Já pensei muitas vezes!

— E por que não se casou?

— Exatamente porque pensei muito!

15
11
4

Depois de um dia inteiro de caminhada, o caçador e seu guia chegam finalmente ao pico da montanha.

À noite, em torno da fogueira, os dois conversam:

— Sabe, Ramirez, você é um grande guia e me inspira total confiança, mas fico pensando uma coisa: se por acaso eu sofresse algum acidente ou ficasse doente, como você faria para me levar de volta para a cidade; eu, com os meus 90 quilos?

— Nenhum problema, patrão. No ano passado, desci sozinho esta montanha levando nas costas um javali de quase 200 quilos.

— Duzentos quilos? Sozinho? Como você fez isso?

— Foi em umas dez viagens!

17
11
6

No meio de uma longa viagem, a aeromoça pergunta a um dos passageiros:

— O senhor aceita uma Banana Split?

— Não, obrigado... Eu sou diabético!

— Então que tal um pudim de leite condensado?

— Eu não posso! — repetiu ele — Sou diabético!

— Tudo bem — tornou a aeromoça — Que tal a sugestão da casa, ou melhor, do avião? Um delicioso mousse de chocolate, com cobertura de chantilly!

— Moça, você não está entendendo! — disse ele, começando a se alterar — Eu sou diabético!

— Ah, eu sei de uma coisa que o senhor vai adorar: nossa torta holandesa! Uma delícia...

— Porra! — grita ele, batendo no braço da poltrona — Eu já falei umas mil vezes que sou diabético!

— Será que você é surda! Eu não posso comer essas porcarias, eu sou diabético! Eu sou diabético!

— Regina! — grita a aeromoça, chamando uma de suas colegas — O moço aqui tá uma pilha de nervos! Traz uma água com açúcar pra ele!

32
27
5