Os Vigaristas

Frase no Para-Choque

19
12
7

Um caminhoneiro galante foi expulso, a pedradas, de uma cidadezinha pacata e conservadora, do interior, porque se recusou a apagar do para-choque a frase: "Só quero a mulher alheia".

Quando precisou voltar a circular na mesma cidade, precavido, mas disposto a manter sua fama, exibia a seguinte frase no seu pára-choque: "Continuo querendo".