Grande Mentiroso

15
9
6

Famoso pelas suas mentiras deslavadas, após voltar de uma expedição na África, o sujeito reúne os amigos para um jantar e desfia mais uma de suas histórias.

— Eu estava acampado sozinho em plena selva africana, quando no meio da madrugada, acordo com o rugido de um leão. Saí da minha tenda armado com uma espingarda. Era um leão enorme, quase do tamanho de um elefante. Mirei bem no meio da testa do bicho e bang; mas errei o tiro. Carreguei novamente a espingarda e bang; mas errei novamente! Nisto o leão avançou sobre mim. Rapidamente eu tirei a minha faca da cintura e assim que levantei o braço, levei uma patada e a faca caiu no chão. Aí o leão pulou em cima de mim, eu agarrei a juba dele e dei-lhe uma mordida que chegou a doer o meu maxilar, a minha boca ficou cheia de pelos e...

Nisso toca o telefone.

— Só um minuto, por favor! — pede ele. — Alô... Alô... Bill? How are you, boy? Não, segunda eu não posso, tenho um jantar com o Papa. Terça também não vai dar, vou jogar golfe com o Clinton. Quarta tá bom! Combinado! Bye!

E voltando-se para os seus convidados:

— Era o Bill Gates, que estava precisando de alguns conselhos para a nova versão do Windows, mas, continuando... onde eu estava mesmo?

— Você estava com a boca cheia de pelos.

— Então eu abri as pernas da Tiazinha e disse: "Agora vou lhe dar a melhor chupada da sua vida!"