Piadas de Joãozinho

Um sujeito está andando na calçada quando ele vê na sua frente Joãozinho com um chapéu de bombeiro sentado num carrinho vermelho que está sendo puxado devagarzinho por um grande cão Labrador.

Chegando mais próximo, ele vê que Joãozinho está segurando uma corda amarrada nos testículos do cachorro, o que explica por que ele se movimenta tão devagar.

Sorrindo, o sujeito fala a Joãozinho:

— Você tem um bonito carro de bombeiro, filho. Mas você poderia ir mais rápido se pusesse a corda no pescoço do cachorro.

— Eu sei — responde Joãozinho — mas aí eu ia ficar sem a sirene!

22
12
10

Durante a aula de Boas Maneiras, diz a professora:

— Zezinho, se você estivesse namorando uma moça fina e educada e, durante o jantar, precisasse ir no banheiro, o que diria?

— Segura as pontas aí que eu vou dar uma mijadinha.

— Isso seria uma grosseria, uma completa falta de educação. Juquinha, como você diria?

— Me desculpa, preciso ir ao banheiro, mas já volto.

— Melhor, mas é desagradável mencionar o banheiro durante as refeições. E você, Joãozinho, seria capaz de usar sua inteligência para, ao menos uma vez, mostrar boas maneiras?

— Eu diria: "Minha prezada senhorita, peço licença para ausentar-me por um momento, pois vou estender a mão a um grande amigo que pretendo lhe apresentar depois do jantar".

66
58
8

A professora pergunta pra Mariazinha:

— Mariazinha, qual é a profissão do seu pai?

— Ele é médico, cura as pessoas!

— Muito bem — disse a professora.

— E você, Zezinho, qual a profissão do seu pai?

— Ele é engenheiro, professora, projeta prédios e casas.

— Muito bem! E você, Joãozinho, o que faz o seu pai?

O Joãozinho, meio encabulado, fica vermelho, abaixa a cabeça e responde com vergonha:

— Ele é stripper numa casa de shows para gays no bairro do Morumbi, professora.

— Como? — Pergunta a professora, incrédula.

— É, professora, ele tira a roupa e fica um monte de gays passando a mão na bunda dele e botando dinheiro na sunga dele.

A professora, meio constrangida, encerra a aula e chama o Joãozinho no particular.

— Joãozinho, é verdade o que você disse sobre o seu pai? Ele me pareceu uma pessoa tão séria e trabalhadora.

— Não, professora, na verdade ele é jogador do Corinthians, mas eu fiquei com vergonha de falar na frente dos meus colegas!

57
34
23

Joãozinho volta da escola e pergunta a sua mãe se ele pode levar a cachorra para passear.

— Você não pode — responde a mãe — ela está no cio.

— O que é cio? — pergunta Joãozinho.

— Seu pai está na garagem. Pergunte a ele — se livra a mãe.

— Papai! Eu quero levar a cachorra para passear, mas a mamãe disse que eu não posso porque ela está no cio. O que é isso?

O pai está limpando ferramentas com gasolina. Ele pega um pano, molha-o com a gasolina e o esfrega no traseiro da cachorra.

— Não se preocupa com isso, filho — diz o pai a Joãozinho. — Isso resolve o problema.

Depois de uns vinte minutos Joãozinho volta para casa sem a cachorra.

— Onde está a cachorra? — pergunta o pai.

— Ela ficou sem gasolina no fim da rua — responde Joãozinho. — Mas não se preocupe. O cachorro do vizinho está rebocando ela para casa!

33
23
10

Quatro lombrigas são colocadas em quatro tubos de ensaio separados:

A primeira lombriga em álcool, a segunda lombriga em fumo de cigarro, a terceira em esperma e a quarta em terra natural.

No dia seguinte o professor mostra aos alunos o resultado:

A primeira lombriga, em álcool, está morta. A segunda, no fumo do cigarro, está morta. A terceira, em esperma, está morta. A quarta, em terra natural, está viva.

O professor comenta que é bastante nítido o que é prejudicial e pergunta à classe:

O que podemos aprender desta experiência?

Responde imediatamente o Joãozinho:

— Temos de beber, fumar e foder em abundância para não termos lombrigas!

37
33
4

A professora diz:

— Você Fernandinho, me diz ai um bichinho de 4 pernas, anda no telhado, dorme no fogão, faz miau, tem bigode e uma azeitona no nariz.

O Fernandinho responde:

— Azeitona? Sei, não, fessora.

— É o gato! A azeitona, só botei pra complicar. Agora você Chiquinho: Me diz uma coisa que a gente coloca café, leite, tem um biquinho, uma tampinha em cima e uma goiaba em baixo.

Chiquinho responde:

— Goiaba? Sei, não, fessora.

— É o Bule! A goiaba, só botei pra complicar. Entenderam como é? Faz comigo agora, Joãozinho. Pergunta pra mim!

E o capetinha da classe pergunta:

— Ah, é?... Ah, é?... Pode deixar que eu pergunto... Deixa comigo... O que é uma coisa que é roliça, tem uma ponta vermelha, as mulheres gostam de por na boca e tem duas bolas em baixo?

E a professora:

— O quê? Tá expulso da classe, seu safado!

Joãozinho responde:

— Nããããããão, fessora! É batom! As duas bolas, só botei pra complicar.

91
78
13

Primeiro dia de aula, a nova professora se apresenta:

— Bom dia, crianças! Meu nome é Valgina e eu vou ser a professora de vocês este ano. Agora eu quero saber o nome de cada um de vocês.

E cada um foi levantando e dizendo o seu nome.

No dia seguinte, Joãozinho chega alguns minutos atrasado e assim que entra na classe, sorrateiro, a professora o surpreende:

— Bom dia, Joãozinho!

E ele, querendo ser simpático:

— Bom dia, dona Bucleta!

33
22
11

O Joãozinho estava numa festa depois de o pai o ter expressamente proibido de contar piadas pesadas. Mas as pessoas já conheciam a fama do Joãozinho e tanto insistiram para ele contar só uma anedota que ele não resistiu.

Eram os amigos dele e os pais dos amigos, as mães, toda gente queria ouvir uma piada do Joãozinho. Então, ele subiu para uma mesa e começou dizendo:

— Hoje chegou ali a doca um navio enorme carregado de Gorilas. Cada gorila tem uma pixa deste tamanhão.

Algumas mães, indignadas, começaram a sair da sala. Foi então que ele acrescentou:

— Tenham calma suas putas, não precisa ter pressa que o navio vai ficar na doca durante uma semana!

35
22
13

Joãozinho chegou à sala de aula com um enorme galo na cabeça. A professora, preocupada, perguntou:

— O que aconteceu, Joãozinho?

— Atiraram ervilhas em mim.

— Mas como ervilhas tão pequenas podem fazer um estrago tão grande?

— É que elas ainda estavam dentro da lata.

45
35
10

Joãozinho pergunta à seu pai:

— Pai, Deus é branco ou negro?

O pai responde:

— Ele é os 2, filho.

— Ele é homem ou mulher?

— Ele é os 2, filho.

— Pai, Deus gosta de crianças?

— Gosta filho, claro que gosta!

— Pai, Deus é Michael Jackson?

45
17
28

No auge dos seus 8 anos, Joãozinho entra no elevador e se depara com a sua vizinha de 27 anos.

— Suzana! Eu tô apaixonado por você! Namora comigo?

A loiraça acha graça e responde:

— Eu não posso namorar com você, Joãozinho...

— Por quê?

— Ai! Não leva a mal... Mas é que eu não gosto de crianças.

— Não tem problema. A gente usa camisinha!

42
32
10

Joãozinho encontra a Mariazinha e fala:

— Mariazinha, posso colocar meu dedinho no seu umbiguinho?

— Pode.

De repente a Mariazinha diz:

— Joãozinho, esse não é meu umbiguinho.

Joãozinho responde:

— Nem esse daqui é meu dedinho.

67
55
12

Final de ano, Joãozinho resolve escrever uma carta para o Papai Noel:

— Querido Papai Noel, fui um bom menino durante todo o ano. Gostaria de ganhar uma bicicleta.

O menino olha para o texto e, insatisfeito, amassa a folha e escreve novamente:

— Papai Noel, fui um bom menino durante a última semana. Por favor, mande-me uma bicicleta.

Novamente Joãozinho não se satisfaz. Pensa um pouco, vai até o presépio, pega o Menino Jesus, tranca-o em uma gaveta e volta a escrever:

— Virgem Maria, sequestrei seu filho. Se quiser vê-lo novamente, mande-me uma bicicleta.

86
14
72