Os Vigaristas

O Touro Reprodutor

47
39
8

Um caboclo tinha como único patrimônio um touro, que era o maior reprodutor da região. Os fazendeiros locais alugavam o bicho parar "cobrir" suas vacas. Maravilhados com a eficiência do animal, decidiram comprá-lo, mas o caboclo pediu uma grana absurda.

Os fazendeiros não aceitaram a proposta e foram se queixar ao prefeito da cidade. Este, sensibilizado com o problema, resolveu comprar o animal com o dinheiro da prefeitura, pagando uma fortuna, e registrá-lo como patrimônio municipal.

Para comemorar, os fazendeiros e a prefeitura fizeram uma festa imensa na cidade. Chamaram autoridades do estado, técnicos do governo, especialistas em pecuária e trouxeram suas vacas para o touro cobrir.

Tudo pronto, colocaram o bicho num curral especial e trouxeram a primeira vaca. O touro se aproximou preguiçosamente, deu uma cheirada e virou-se para o outro lado.

— Deve ser culpa da vaca — disse um fazendeiro. — Ela é muito magrinha! Na outra ele vai mandar ver...

Trouxeram outra vaca, uma holandesa, a mais bonita da região. O touro cheirou a vaca e nada. Preocupado, o prefeito chamou o caboclo e lhe perguntou o que estava acontecendo.

— Não sei... — disse o caboclo. — Ele nunca fez isso antes! Deixa eu conversar com o touro...

E o caboclo, aproximando-se do bicho, perguntou:

— O que há com você? Não tá mais a fim de trabalhar?

E o touro, dando uma espreguiçada:

— Ahhhh, não enche o saco! Agora sou funcionário público!