Piadas de Papagaios

32
-21
53

Pica-Pau

A mulher entra na loja de pássaro e pergunta ao dono:

— O senhor tem um papagaio que fale?

— Não, papagaio não temos. Mas a senhora pode levar um pica-pau.

— Bem, e pica-pau fala?

— Falar, ele não fala... mas conhece o código Morse.

39
19
20

Continência

Certo general estava passando numa trilha do quartel quando um papagaio que sempre ficava por lá falou:

— Continência, filho da puta!

E isso se repetiu durante 3 dias.

No quarto dia o papagaio falou a mesma coisa e o general bravo disse:

— Papagaio, se você me xingar outra vez vou te depenar todo.

E no dia seguinte o papagaio voltou a xingá-lo e o general não hesitou em depená-lo conforme prometido.

No dia seguinte o general passou pela mesma trilha e não ouvindo nada disse:

— Continência papagaio!

E o papagaio respondeu:

— Estou sem farda, filho da puta!

132
114
18

Papagaio Poliglota

Na loja de animais tinha um papagaio poliglota à venda por mil reais. Um dia um homem se interessou, e perguntou como funcionava. O dono da loja respondeu:

— Você levanta a asa direita e ele fala francês, a esquerda ele fala alemão, a perna direita, italiano e a esquerda, português.

O cara ficou abismado, e perguntou:

— E se levantar as duas pernas?

E o papagaio responde:

— Eu caio, imbecil!

79
64
15

Papagaio sem Pernas

Era uma vez um papagaio que não tinha pernas e que se pendurava na gaiola pelo pênis. Ele estava sendo vendido numa feira de animais e um moço o viu pendurado na gaiola e o achou impressionante, ainda mais que o papagaio falava de tudo. O moço, então resolveu comprá-lo.

Até que um dia o moço saiu e só voltou à noite. Perguntou ele ao papagaio se aconteceu algo interessante naquele dia.

O papagaio respondeu:

— Bem, hoje um carteiro veio entregar uma carta para você e sua mulher atendeu aporta apenas de sutiã.

— E o que aconteceu? Pergunta o moço preocupado.

— O carteiro a levou para o sofá e tirou sua calcinha com os dentes.

— E depois, e depois?

— Ele deitou-se em cima dela.

— E o que houve?

— Ah rapaz, aí eu caí da gaiola.

42
2
40

Papagaio Cantando

Um belo dia o papagaio cantava:

— Chuva no teto, vento no portão, e eu aqui sozinho nesta solidão.

Seu dono ouviu e disse:

— Vou lhe botar dentro do vaso.

E ele lhe depenou e jogou no vaso. Nesse mesmo dia aconteceu uma festa em sua casa e um homem foi no banheiro. E o papagaio falou:

— Mijo no teto, e vento no portão, e eu aqui sozinho, com esse toletão.

89
47
42

Papagaio Adivinho

Todo dia a mulher passava em frente a loja de animais, e lá havia um papagaio. E lá vinha a mulher, e o papagaio:

— Umh... calcinha preta, hein?

E a mulher ficou toda encabulada, como ele sabia? Pura sorte...

No outro dia lá vem a mulher... e o papagaio:

— Umh... calcinha vermelha, hein?

E assim foi, até que a mulher resolveu tirar a prova os talentos paranormais do bicho: Foi sem calcinha!

E o papagaio:

— Umh... sem calcinha, hein?

A mulher já com raiva se depilou toda e foi sem calcinha passar em frente a loja. O papagaio:

— Parabéns! Passou no vestibular!

70
42
28

Mudança

A mudança foi toda colocada no caminhão. Um desses de carroceria aberta, abarrotado de móveis e lá em cima de tudo a gaiola com o papagaio. A mudança devia estar mal-arrumada e as ruas eram muito esburacadas.

Com o balanço, a gaiola caiu com o papagaio. Desceu todo mundo, acudiram o papagaio e botaram a gaiola la em cima. Dali a pouco o pobre coitado despenca outra vez. E outra vez. E mais outra, mil tombos. Aí o papagaio, já irritado, no último tombo virou-se para o dono e disse:

— Faz o seguinte: me dá aí o endereço que eu vou a pé.

67
44
23

Papagaio dos Noivos

O casal comprou um papagaio durante a lua-de-mel que foi deixado no quarto do hotel. Evidentemente, o papagaio não podia deixar de fazer seus comentários sobre a performance dos noivos na cama. Chega uma hora em que o marido não aguenta mais, pega uma toalha no banheiro, joga por cima da gaiola e avisa:

— Ou você fica quieto ou te mando amanhã para o zoológico!

Na manhã seguinte, eles arrumam as malas para voltar para casa. A mala maior, repleta de bugigangas que compraram na viagem, não consegue fechar.

O noivo diz:

— Querida, você fica por cima e eu tento. Vamos ver se dá certo.

— Não deu certo. Talvez fosse necessário um pouco mais de peso.

O noivo então diz:

— Querida, agora eu fico por cima e você ajuda. — Também não dá certo.

Ele então diz:

— Agora vamos tentar os dois em cima.

Nesse ponto o papagaio não agüenta e exclama:

— Tô pouco me lixando pro zoológico. Mas isso eu quero ver!

47
23
24

Perdeu o Anel

Na fazenda, a menininha estava no quintal dando milho para as galinhas. Quando entrou em casa percebeu que tinha perdido o anel. Abriu o maior berreiro e logo o pai foi acudir:

— Não se preocupe, querida!

Arrastou-a para o quintal e foi pegando as galinhas e metendo o dedo no rabo de cada uma delas em busca da jóia. Uma a uma todas as galinhas foram violentadas sem nenhum resultado. Desconsolado, quando resolveu bater em retirada avistou o papagaio em cima do poleiro.

— Vem cá, papagaio! — gritou, erguendo o dedo acinzentado.

— Pera lá! — resmungou a ave. — Comigo é no Raio X!

41
21
20

Opções do Cardápio

Um cara só tinha 5 paus no bolso e estava com muita fome. Entrou num restaurante e pediu o cardápio. Percorreu todas as opções.

Do filé mignon a 30 reais, foi descendo... filé com fritas a 25, spaghetti a 12, canja de galinha a 6.

— Porra! — disse ele.

— Não tenho grana nem pra comer o prato mais barato! — Chamou o garçom.

— Garçom, não existe nenhuma opção a 5 reais. É tudo que eu tenho!

— Um momento que eu vou falar com o dono.

Logo voltou e disse:

— Falei com ele e ele me autorizou a oferecer pro senhor o nosso prato alternativo.

— E qual é?

— Canja de Papagaio. — disse o garçom.

— Porra! Nunca ouvi falar nisso.

Como a fome era muito, mandou bala.

— Tá bom. Manda a canja de papagaio.

Nesse momento, sentiu um puxão na barra da calça, por debaixo da mesa. Era o papagaio, que disse:

— Currupaco! Pode pedir a galinha que eu pago a diferença!

118
92
26

Jesus está Vendo

O ladrão avança em silêncio pela casa.

— Jesus está vendo você — diz uma voz.

O ladrão se detém, apavorado. Olha ao redor, em desespero. Num canto escuro, vê uma gaiola com um papagaio dentro e pergunta à ave:

— Foi você quem disse que Jesus está me vendo?

— Foi — responde o papagaio.

O ladrão, aliviado, pergunta:

— Qual é o seu nome?

— Moisés.

— Que nome ridículo para um papagaio. Quem foi o idiota que pôs esse nome em você?

— O mesmo que pôs o nome de Jesus no rottweiler.

71
55
16

Gato em Casa

O policial do 190 atendeu o telefone e foi anotando o pedido de socorro:

— Pelo amor de Deus! Mande alguém urgente que entrou um gato em casa!

— Mas como assim, meu senhor? Um gato?

— Sim, um gato, é uma emergência!

— O senhor está usando algum tipo de código?

— Não! É um gato mesmo! É caso de vida ou morte! Venham logo!

— Mas quem está falando?

— É o papagaio, porra!

54
36
18

Papagaio no Avião

Nervoso com a turbulência, o sujeito, todo educado, pede pela quinta vez para a aeromoça lhe trazer um uísque, mas ela continua fingindo que não o ouve.

Sentado ao seu lado, o papagaio comenta:

— Você está sendo gentil demais com a moça! Mulher gosta de ser maltratada! Quer ver só?

E assim que a aeromoça passa pelo corredor, o papagaio grita:

— Ô, sua filha de uma puta, me traz logo um copo de uísque com bastante gelo!

Dois minutos depois ele é atendido.

— Viu como funciona?

O sujeito torna a fazer o seu pedido, educadamente e nada.

Dez minutos depois o papagaio, de novo:

— Aí, sua vagabunda! Não está vendo que o meu copo está vazio? Traz lá mais uma dose desse uísque, sua piranha!

Um minuto depois o copo do papagaio está cheio novamente.

Aí o sujeito perde a paciência.

— Escuta aqui, sua vaca! Traz uma dose de uísque pra mim também!

Dois minutos depois a aeromoça volta acompanhada de dois seguranças que pegam o passageiro pelo colarinho, abrem a porta do avião e o atiram a dois mil metros de altura.

Antes de cair, ele ainda ouve o papagaio comentar:

— Pra alguém que não voa, este cara é muito folgado, não é?

55
39
16

Fêmeas Taradas

Desesperada, uma senhora procura um padre.

— Padre, eu estou com um problema! Eu tenho duas fêmeas de papagaios, mas elas só sabem falar uma coisa!

— O que elas falam? — perguntou o padre.

— "Olá, nós somos prostitutas! Vocês querem se divertir?" — disse a senhora.

— Isto é terrível! — respondeu o padre — Mas eu tenho uma solução para o seu problema. Leve suas fêmeas para minha casa e eu as colocarei junto com meus dois papagaios, os quais ensinei a rezar.

No dia seguinte, a mulher levou suas fêmeas para a casa do padre. Assim que foram colocadas na gaiola, elas disseram:

— Olá, somos prostitutas! Vocês querem se divertir?

Ao ouvir isso, um papagaio olhou para o outro e disse:

— Jogue o terço fora! Nossas preces foram atendidas!

46
16
30

O Macho e a Fêmea

Um certo dia, João precisou viajar às pressas e entregou seu casal de papagaios(Zezé e Anita) aos cuidados de seu melhor amigo, Oscar. Alguns dias depois, Oscar liga angustiado para João no hotel:

— João, teus papagaios estão ótimos. Apenas gostaria de saber qual é o macho e qual é a fêmea para poder conversar com eles!

João explica a Oscar que este deve pegar os dois papagaios e trancá-los em um quarto escuro. Após cinco minutos, deve abrir a porta de sopetão:

— O papagaio que estiver em baixo é a fêmea. — explica João — Pegue ela e corte suas penas na cabeça, deixe-a careca!

Oscar logo pega os dois papagaios e os tranca na lavanderia. Ao abrir a porta, rapidamente pega o papagaio que estava por baixo do outro e o rapa a cabeça.

Alguns dias depois, ao voltar para casa, Oscar entra pela porta, cumprimenta os papagaios e tira o chapéu, o que deixa à mostra sua careca!

Espantada, Anita, logo fala!

— Meu, te pegaram dando também?

71
40
31

O Papagaio e o Político

Todo dia em que o político passava na rua, o papagaio falava:

— Bom dia filho da puta!

Todo dia que o homem passava o papagaio falava a mesma frase.

Um dia, cansado de ser xingado, perguntou para um morador daquela rua por que sempre que ele passava o papagaio o xingava.

E o morador:

— Desde o dia que você virou político, não cumprimenta mais ninguém da vila!

O homem, pensando nisso, no outro dia, quando ele passava pelo papagaio, ele cumprimentou o papagaio:

— Bom dia!

E o papagaio:

— Aprendeu né seu filho da puta!

97
64
33

O Papagaio e as Galinhas

Tinha um papagaio que todos os dias ia ao galinheiro e comia todas as galinhas. O dono das galinhas ficava furioso porque elas não conseguiam botar ovos nem chocá-los e vivia ameaçando o papagaio:

— Um dia eu ainda torço o seu pescoço...

Um belo dia o dono das galinhas pegou o papagaio no puleiro traçando uma das penosas, pegou-o pelo pescoço, torceu-o e jogou-o no meio do quintal. Depois de alguns minutos, com remorso, o dono das galinhas foi até o quintal para ver o papagaio. O papagaio estava caído, de asas abertas, barriga prá cima e vários urubus sobrevoando-o, parecendo estar morto. O cara, então, aproximou-se e perguntou:

— Papagaio, você está vivo?

O papagaio respondeu:

— Sai prá lá pô! Não está vendo que eu estou paquerando as moreninhas ali em cima?