Piadas de Português

O brasileiro chega ao trabalho todo sorridente, feliz com a vida, e seu colega português lhe pergunta:

— Por que estás a rir à toa?

Ele responde:

— Tive uma noite maravilhosa. Estava fazendo sexo com minha mulher, e quando estava quase gozando, peguei a minha arma e dei um tiro para cima, ela levou um puta susto, contraiu sua vagina e gozei muito gostoso!

— Por que você não faz a mesma coisa?

E assim o português se propôs a fazer…

No outro dia o português chega ao trabalho com uma cara de merda… E seu amigo pergunta:

— E aí não deu certo?

Ele respondeu:

— Claro que não! Estava eu a fazer um 69 com minha mulher quando ia estar a chegar lá, dei o tiro sugerido. Ela levou um puta susto, mordeu meu pau, cagou na minha cara e ainda me sai um filho da puta do armário gritando: "Não me mate, por favor!"

135
120
15

Um português, um alemão e um francês queriam ter o avião mais moderno já construído e só existia um dele no mundo todo e era extremamente caro.

O dono da empresa que fabricou o avião disse aos três:

— Somente um de vocês pode ter o avião. Então vou fazer uma proposta com vocês! De vocês três o quem tacar do avião o objeto mais perigoso em seu país fica com o avião.

Então foi o alemão e tacou uma faca na Alemanha; Todo confiante vem o francês e da um tiro em seu país;
Achando que já ganhou vem o português e joga uma bomba em Portugal.

No dia seguinte o alemão todo triste que não ganhou o avião vê uma menininha chorando na rua, e ele pergunta:

— O que houve menininha?

— Ontem eu tava brincando com minha mãe e ela levou uma facada — responde ela.

O francês também todo triste vê um garoto chorando e pergunta pra ele:

— Por que você tá chorando?

E o garoto responde.

— Eu tava brincando com meu amigo e ele levou um tiro!

E o português feliz da vida porque tinha ganho o avião estava andando em Portugal e viu um garoto se matando de rir. E por curiosidade perguntou à ele:

— Por que estás rindo pequena criança?

E o menino responde:

— A senhor é que eu peidei e minha casa explodiu!

43
25
18

Manuel está tomando banho e grita para Maria:

— Ô, Maria, me traz um shampoo.

E Maria lhe entrega o shampoo. Logo em seguida, grita novamente:

— Ô, Maria, me traz outro shampoo.

— Mas eu já te dei um agorinha mesmo, homem!

— É que aqui está dizendo que é para cabelos secos e eu já molhei os meus.

24
16
8

Joaquim era enfermeiro de uma UTI e tratava de uma mulher internada em estado de paralisia total. Nove meses depois ela aparece grávida, para espanto de todos!

A direção do hospital se reuniu e deu queixa na delegacia de polícia para achar o culpado. A polícia então começou interrogando o Joaquim.

— O senhor era o enfermeiro da paciente grávida?

— Sim senhoire...

— E foi você que engravidou a moça?

— Foi sim senhoire, mas só fiz por ordem do hospital. Cumpri rigorosamente o que estava escrito na prancheta da paciente.

— Como assim? O que era mesmo que estava escrito no boletim médico?

O Joaquim então retirou uma cópia do relatório e leu para o delegado: "Mulher, 22 anos, inerte, não reage a nenhum estímulo. Coma."

41
23
18

Um português estava no ponto de ônibus e pediu uma informação a um carioca:

— Olá, o senhor poderia me dizer qual ônibus eu pego para ir ao Cristo Redentor?

— Claro, é o ônibus 583 — responde o carioca.

O português agradece.

Depois de várias horas o carioca voltando do trabalho passa pelo mesmo local e lá esta o português. Espantando ele pergunta:

— O ônibus ainda não passou?

O português responde:

— Não, por enquanto só passaram 73.

58
29
29

Dois assaltantes portugueses invadiram um banco muito movimentado, renderam todos que estavam lá dentro e foram direto até os cofres, que ficavam nos fundos da empresa.

Manoel arrombou o primeiro e disse para o amigo Joaquim:

— Mas que diabos..olha só! Aqui não tem dinheiro! Só tem iogurte!

— Oh raios! Mas que coisa estranha! Bem, mas se está no cofre, deve ser um iogurte muito bom! Então vamos tomar, ora pois!

Depois de acabarem com todos os potes de iogurte do primeiro cofre, correram para o segundo. Este Joaquim abriu.

— Não acredito! — gritou ele — Mas este também só tem iogurte!

Ora raios, mas de novo.... iogurte, iogurte e mais iogurte! — disse Manoel, já empapuçado, olhando para um dos seguranças rendidos.

— Mas que porcaria de banco é esse, que só tem iogurte? O segurança olha para os dois portugueses e diz, em voz baixa:

— É porque esse daqui é apenas um Banco de Esperma, senhores!

59
50
9

O lenhador português vai à uma loja de ferramentas. Lá ele observa um serra elétrica e pergunta para o vendedor:

— O que é isso?

— Isto é uma serra elétrica. Ela serve para cortar árvores de um modo muito mais rápido. — responde educadamente o vendedor.

— Vou levar! — fala o português excitado com a novidade.

No outro dia o português volta à loja:

— Eu quero devolver essa porcaria — diz o português. — Com o machado agente cortava 30 árvores por dia, e com isso daqui nem 5 agente corta!

O vendedor, espantado, liga a serra elétrica para detectar o problema.

— Epa, que barulho é esse? — pergunta o português.

36
27
9

Maria, Fátima e Conceição, três amigas portuguesas, estavam tomando um chazinho juntas e botando a conversa em dia. Maria pergunta para Fátima:

— Quando estás a fazer amor com teu marido, o Joaquim, já aconteceu de tocar as bolas deles e estarem frias?

— Sim... as vezes percebo isso. E tu, já sentiste o mesmo no teu marido, o Antônio?

— Ah, sim...Já notei isso. Não acontece o mesmo com teu marido, ó Maria?

E Maria responde?

— Sabem que nunca reparei? Mas esta noite vou conferir!

— Está bem. Amanhã, você nos conta! — dizem as outras duas, curiosas.

No dia seguinte, Fátima e Conceição esperam por Maria, que chega atrasada. Ela vem capengando, com um olho roxo e a cara muito inchada.

— Que foi que aconteceu? — perguntam as amigas.

— É tudo culpa de vocês!

— Como assim?

— Foi porque, ontem à noite, quando toquei nas bolas do Manuel, meu marido, disse para ele: "Tu não tens as bolas frias como o Joaquim e o Antônio!"

45
32
13

Maria, no leito de morte, decidiu confidenciar ao Manoel:

— Manoel, sabes que o nosso filho mais velho não é teu filho?

Manoel, muito tranqüilo, responde:

— Maria, isto não tem problema algum...

Maria, muito intrigada com toda a calma do Manoel, indaga-lhe:

— Escuta ó Manoel! Vê se entendes! Estou a dizer-te que o filho não é teu, ó homem de Deus!

E Manoel novamente responde:

— Pois, pois... eu entendi, ó Maria.

— Ai, Jisus! Por que raios então tu não estás azoado e ficas tão tranquilo?

Finalmente, Manoel responde:

— Pois... sabes ó Maria, que este filho não é tambaim teu filho?

Maria rebate:

— Como não é meu, ó homem de Deus? Se eu carreguei o infiliz na minha barriga por nove meses?

— Maria, lembra-te quando tu estavas na maternidade e me pediste para trocar o menino, porque ele estava todo cagado? Pois baim... eu o troquei por um limpinho que estava ao lado!

92
77
15

Três exploradores, um americano, um francês e um português, se perdem na floresta amazônica. Depois de muitos dias são capturados por uma feroz tribo indígena.

Amarrados num tronco no meio da aldeia, ouvem assombrados a proposta do chefe:

— Cada um pode fazer qualquer pedido. Se chefe não realizar, chefe liberta prisioneiro. Mas se chefe satisfizer o pedido, chefe manda guerreiros arrancarem a pele do prisioneiro para fazer canoa.

Apontando para o americano, pergunta:

— O que prisioneiro quer?

— Eu quero que você me traga aqui a estátua da liberdade.

Com a sua lança mágica, o chefe faz aparecer a estátua da liberdade no centro da aldeia e ordena aos guerreiros que arranquem a pelo do americano e façam uma canoa.

— Agora, chegou a vez do francês. Qual o seu pedido? — pergunta o chefe.

— Eu quero a torre Eiffel e as garotas do Moulin Rouge dançando cancan.

A lança mágica entra em ação novamente e faz realidade o pedido do francês. O chefe ordena em seguida que lhe arranquem a pele e que se faça uma canoa.

Finalmente, é a vez do português, que pede um garfo. Um simples garfo...

Diante de pedido tão simples, o chefe imediatamente entrega o garfo ao português. O nosso amigo de além mar, espetando o garfo em todo o seu corpo, gritava:

— Índios filhos da puta, vão fazer canoa de mim lá na puta que o pariu!

62
21
41

Num encontro entre o Presidente do Brasil e o Presidente de Portugal, o Presidente de Portugal, cansado com tanta gozações, propôs para que o Presidente do Brasil construísse uma ponte numa área de seca no Nordeste para servir como gozação.

Então o Presidente do Brasil, preocupado com as relações diplomáticas, construí a tal da ponte no sertão Nordestino. Quando os portugueses ficaram sabendo, foi aquela gozação.

Posteriormente, noutro encontro entre os presidentes, o Presidente de Portugal disse que já poderiam destruir a ponte, porque ele já tinha se divertido o suficiente. E como resposta, o Presidente do Brasil respondeu:

— Infelizmente não posso destruir a ponte no sertão nordestino, porque tem muitos portugueses em cima dela pescando!

44
17
27