Piadas de Psiquiatra

Depois de um ano de tratamento, o psiquiatra fala para o paciente:

— Seu Jorge, você está totalmente curado da cleptomania.

— Ai, doutor! Graças a Deus!

— Graças a Deus, não! — discorda o médico — Graças a mim! O senhor vai pagar com cheque ou em cartão?

— Ah, eu pago em dinheiro, doutor. Estou tão feliz!

— Muito bem. — exclama o psiquiatra, sorrindo — Para provar que está curado, quero que saia daqui e vá direto ao shopping. Você vai ver que não vai sentir vontade de roubar nada.

— Ai, doutor... Mas e se eu tiver uma recaída?

— Bem, nesse caso, você pode trazer um celular novo pra mim?

41
-2
43

Uma mulher chega ao consultório do psiquiatra.

— Doutor, preciso que o senhor me ajude. Estou com um problema muito sério.

— O que é?

— Seguinte: é que eu estou achando que sou uma vaca. E isso já está me trazendo dificuldades.

— Pois não. Vamos ver o que posso fazer. Desde quando a senhora sente isso?

— Ah, faz tempo, doutor. Muito tempo. Isso vem desde que eu ainda era uma novilha bem novinha.

14
-20
34

— Doutor, estou apaixonada por meu cavalo — diz ao psiquiatra a jovem amazona.

— Problema nenhum — tranquiliza o médico. — É muito comum as pessoas se afeiçoarem a animais. Eu e minha mulher, por exemplo, adoramos nossa cadelinha poodle...

— O senhor não entendeu, doutor, eu me sinto atraída fisicamente por ele.

— Hum, vejamos — raciocina o médico. — E se você o trocasse por uma égua?

— Quê? O senhor está pensando que eu sou uma desviada sexual?

10
-6
16

Doutor, o senhor tem de me ajudar — diz a mulher, desesperada, ao psiquiatra. — Meu marido pensa que está numa ópera. Canta dia e noite, a plenos pulmões, e já está me deixando louca!

— Traga-o aqui amanhã, no primeiro horário — responde o médico.

Um semana depois, a mulher liga para o consultório:

— Doutor, não sei que milagre o senhor fez, mas o Emílio parou de cantar como antes, canta apenas vez por outra. O senhor conseguiu curar aquela sua ilusão?

— Não exatamente, minha senhora — diz, solene, o psiquiatra. — Eu apenas lhe transferi para um papel secundário na ópera.

13
-5
18

O sujeito vai ao psiquiatra e vai logo falando:

— Doutor! A minha mulher vive dizendo que sou maluco só porque eu gosto de mortadela!

O doutor responde:

— Mas isso não faz o menor sentido! Eu também adoro MORTADELA!

E o paciente:

— Legal! Então vamos lá pra casa ver a minha coleção! Eu já tenho mais de TREZENTAS!

16
10
6

Depois de um ano de tratamento, o psiquiatra fala para o paciente:

— Seu Jorge, você está totalmente curado da Cleptomania!

— Ai, Doutor! Graças a Deus!

— Graças a Deus não! — discorda o Doutor — Graças a mim! O senhor vai pagar em cheque ou cartão?

— Ah, eu pago em dinheiro, Doutor! Estou tão feliz!

— Muito bem! — exclama o psiquiatra, sorrindo — Para provar que você está curado, quero que saia daqui e vá direto pro Shopping! Você vai ver que não vai sentir vontade de roubar nada!

— Ai, Doutor... Mas e se eu tiver uma recaída?

— Bem, nesse caso você pode trazer um celular novo pra mim!

10
-14
24

O sujeito, muito esquisito, vai ao psiquiatra.

— Doutor, doutor! O meu problema é que eu acho que sou um gato!

— Há quanto tempo você vem pensando isso? — pergunta o psiquiatra.

— Ah, desde que eu era um filhotinho!

100
43
57

O sujeito chega no consultório do psiquiatra e desabafa:

— Doutor, preciso da sua ajuda! Acho que estou ficando louco! Já faz três noites que não consigo dormir de tanta preocupação!

— E qual o motivo de sua preocupação?

— Dinheiro, doutor!

— Ah! Mas é muito fácil. É só o senhor parar de pensar no assunto. Outro dia esteve aqui um camarada que também não conseguia dormir por causa das dívidas que tinha contraído com o tio. Falei pra ele que o tio é que deveria ficar preocupado, já que tinha dinheiro pra receber. Daí em diante, ele passou a dormir tranquilo!

— Pois é doutor, era o meu sobrinho!

37
30
7

A loira conta pro psiquiatra:

— Sabe, doutor, eu estou completamente apaixonada pelo meu cachorro!

O médico tenta tranquilizá-la:

— Calma, eu e minha mulher também amamos nossos gatos... Você só tem este animal?

— Não, tenho uma cadela também!

— E você é apaixonada também pela sua cachorra? — pergunta o médico.

— O quê? — exclama a loira — O senhor tá pensando que eu sou lésbica, é?

37
-5
42