Piadas de Rabino

Um padre, um pastor e um rabino estão jogando pôquer quando a polícia dá uma batida.

— Padre — pergunta o policial — o senhor estava apostando dinheiro?

— É claro que não — respondeu o padre, depois de fazer uma prece silenciosa, pedindo perdão.

— Pastor, e o senhor?

— Não, senhor — o pastor respondeu, após um apelo ao céus.

Virando-se para o rabino, o policial pergunta:

— Rabino, o senhor estava apostando dinheiro?

Encolhendo os ombros, o rabino respondeu:

— Com quem?

40
11
29

Um padre, um pastor e um rabino estavam conversando sobre vários assuntos, numa determinada hora sai o começam a conversar sobre dízimos.

E o padre comenta:

— Eu faço um circulo no chão, jogo o dinheiro para cima, o que cai dentro do círculo é da igreja, o que cai fora é meu.

O pastor:

— Uso o mesmo método, porém o que cai dentro é meu.

O rabino:

— Eu jogo o dinheiro para cima, o que Deus pegar é dele...

86
58
28

Em meio a um projeto inter-religioso, criado para que Sacerdotes de cultos diferentes se conheçam e estreitem amizade, um Padre Católico, um Rabino e uma Sacerdotisa Wiccaniana foram pescar em um lago. Já estavam no barco há algumas horas quando a Bruxa disse:

— Desculpem, já volto, preciso ir ao banheiro.

Se aproximou da borda do bote, fez um gesto com as mãos, pronunciou algumas palavras e saiu calmamente andando sobre a superfície do lago, foi à cabana que tinha o banheiro e voltou da mesma forma. O Padre ficou espantadíssimo. O Rabino nem esboçou surpresa. Logo em seguida, o Rabino disse:

— Deixei nosso almoço lá na cabana, vou buscar.

Foi até a borda do bote, murmurou alguma coisa e saiu, tranquilamente andando sobre as águas do lago também. O Padre ficou espantadíssimo e pensou:

— Se esses dois inféis conseguem isso, eu também conseguirei!

Foi à borda do bote, rezou um pai-nosso e deu um passo... imediatamente caindo no lago. Enquanto salvavam o Padre, o rabino cochichou para a bruxa:

— Tallvez fosse melhor termos contado a ele sobre as pedras do lago.

E a bruxa respondeu:

— Que pedras?

51
-2
53

Ainda novo, um rabino falece tragicamente em um acidente. Como ele vivia em uma comunidade pequena, todos se conhecem e, depois de algum tempo, acabam aconselhando à jovem esposa para que ela volte a se casar.

Na comunidade havia somente um candidato disponível e era um mecânico, simpático mas de pouca educação formal. Embora relutasse muito no início, pois era habituada a viver com uma pessoa erudita, a viúva finalmente aceita. Após o casamento, na sexta-feira, véspera de Shabat, após o banho ritual no mikve, o mecânico fala para sua nova esposa:

— Minha mãe sempre falou que era uma boa ação praticar sexo antes de ir para a sinagoga.

E foi dito e feito.

Voltando da sinagoga ele fala:

— Segundo meu pai, é uma santa obrigação fazer sexo antes de acender as velas de Shabat.

Foi dito e feito, de novo.

Pouco antes de irem dormir, o mecânico volta:

— Meu avô sempre disse que é costume fazer sexo no Shabat.

E mais uma vez fazem sexo.

Amanhecendo o dia seguinte ele diz:

— Minha tia Sara, muito religiosa, me disse certa vez que um bom judeu não começa a manhã de Shabat sem ter sexo.

E novamente fazem sexo.

A viúva, já no domingo, sai para fazer compras. No mercado encontra com várias amigas, que perguntam:

— E aí? Que tal é o novo marido?

— Bom. — responde ela — ele não é letrado como o falecido rabino, mas vem de uma família maaaaaaaa-raaaaaa-vilhooooosa!

27
7
20

Um rabino, um pastor e um padre estão tentando achar uma solução para acabar com os pombos que estão tomando conta dos telhados de seus locais de pregação. Cada um tem uma proposta. O rabino diz:

— É preciso espantá-los com fumaça... Ou então afugentá-los como fazem os camponeses com tiros de espingarda.

O pastor propõe:

— Eu tentaria o trigo envenenado.

O padre olha os dois com uma cara triste e diz:

— Olhem, eu acho que tem um jeito muito mais simples: basta batizá-los e dar-lhes a primeira comunhão que eles nunca mais voltam.

58
8
50

Durante um banquete, botaram um padre católico sentado ao lado de um rabino. O padre querendo tirar uma da cara do rabino, enche o prato de pedaços de um suculento leitão e depois oferece pro colega.

E o rabino recusa, dizendo:

— Muito obrigado. Não sabe que a minha religião não permite a carne de porco?

— Noooossa! Que religião mais esquisita! Comer leitão é uma delííícia! — Comenta o padre com ironia.

Na hora da despedida, o rabino chega pro padre e diz:

— Mande minhas recomendações a sua mulher!

E o padre, horrorizado:

— Minha mulher? Não sabe que a minha religião não permite casamento de sacerdotes?

— Noooossa! Que religião mais esquisita! Comer uma mulher é uma delííícia! Mas se vocês preferem Leitão...

88
63
25