Os Vigaristas

Ruídos Estranhos

87
80
7

Os pombinhos estavam dormindo tranqüilamente quando, por volta das três da manhã, escutam ruídos estranhos.

— Foge! Foge! — grita a mulher, desesperada — Deve ser o meu marido!

O cara levanta de cama, peladão, e rapidamente pula pela janela. Depois de cair em cima de um arbusto, ele volta, muito irritado:

— Desgraçada! O seu marido sou eu!

— Ah, é? — pergunta ela, sarcástica — E você pulou pela janela por quê?