Torturas Chinesas

85
78
7

Um homem se perdeu no meio da China. Passou 3 meses dormindo em cavernas e comendo plantas, passando frio e fome.

Um belo dia ele avistou no alto de um monte uma enorme casa chinesa. Correu em sua direção e bateu a porta. Abriu-a um senhor chinês de longas barbas brancas que perguntou o que o esfarrapado rapaz desejava.

— Estou há mais de 3 meses perdido pelos campos, dormindo em cavernas frias e comendo plantas. Por favor, eu gostaria de uma cama limpa, um lugar para banhar-me e um prato de comida decente. Estou muito cansado e faminto.

O velho chinês ponderou e falou:

— Eu lhe ofereço um quarto limpo, um banheiro, roupas limpas e uma nobre refeição. A única condição e que o senhor não faça nada a minha neta.

— Claro, senhor. O senhor realmente e um homem bom.

— Se acontecer alguma coisa a minha neta, o senhor sofrera as três piores torturas chinesas.

— O senhor pode ficar tranquilo.

Então o rapaz tomou seu banho, vestiu suas novas roupas e desceu para jantar. Foi sentar a mesa, olhar para a jovem neta chinesa do velho avô chinês e se apaixonar. Além de maravilhosa, ele sentiu que o interesse era mútuo. Paixão a primeira vista. Pensou em silêncio:

— Há 3 meses não vejo uma mulher, e com certeza essa noite valerá qualquer sacrifício, mesmo essas 3 piores torturas chinesas.

De noite foi ao quarto da jovem e teve a noite mais incrível de sua vida. Ao acordar, sentiu um grande peso sobre o seu peito. Abriu os olhos e viu uma enorme pedra sobre seu peito. Nela estava escrito: "Primeira grande tortura chinesa: grande pedra sobre peito."

Bem se for assim, tudo bem. Ergueu a pedra e conseguiu lançá-la pela janela próxima a cama. Foi quando ele viu uma linha amarrada à pedra. Em uma outra face da pedra estava escrito: "Segunda grande tortura chinesa: pedra amarrada ao testículo esquerdo."

Desesperado com a situação o rapaz se atirou pela janela atrás da pedra. Foi quando pode ver escrito numa terceira face da pedra: "Terceira grande tortura chinesa: testículo direito amarrado ao pé da cama."