Verruga na Testa

16
6
10

Um certo dia, o sujeito acordou e ao se olhar no espelho, viu uma pequena verruga que nascia no meio da testa.

No dia seguinte, a verruga estava um pouco maior, no outro dia maior ainda. No quinto dia percebeu que ela estava assumindo a forma de um pênis. Assustado, foi correndo procurar um médico.

— Você está com uma doença raríssima — atestou o doutor, após uma série de exames. — Um pênis está nascendo em sua testa!

— O que devo fazer, doutor?

— Não se preocupe! Vá para casa e leia tudo o que puder! Leia sem parar, tudo o que encontrar pela frente!

O cara foi para casa e começou a devorar todos os livros, revistas, jornais, gibis, bulas de remédio, rótulo de enlatados etc... Durante uma semana quase não dormiu! Passava a maior parte do tempo sentadono sofá com um livro nas mãos. E diariamente observava o pênis em sua testa, crescendo... crescendo... crescendo...

No final no décimo dia, voltou a procurar o médico, desesperado:

— Doutor, estou seguindo a risca os seus conselhos, mas não sinto melhora nenhuma! Essa coisa continua crescendo!

— Não se preocupe, rapaz! Tome, leve essas revistas e leia-as! Leia estas outras também! Tome, leve tudo! Não pare de ler!

— Mas... doutor... O senhor acredita mesmo que dessa maneira eu vou melhorar?

— É claro que não, meu rapaz! Você não vai melhorar nunca desse negócio! Mas aproveita para ler bastante agora, porque depois que as bolas começarem a nascer você não vai enxergar mais porra nenhuma!